Lance De virada, Vasco vence o Flamengo em São Januário e abre vantagem na final do Brasileirão Sub-17

De virada, Vasco vence o Flamengo em São Januário e abre vantagem na final do Brasileirão Sub-17

Matheus Gonçalves abriu o placar para o Rubro-Negro, mas Andrey, Erick Marcus e Ykaro viraram a partida para o Cruz-Maltino. Jogo de volta acontece na segunda, às 20h

Lance
Lance

Lance

Lance

Em São Januário, o Vasco derrotou o Flamengo por 3 a 1, de virada, no primeiro jogo da final do Campeonato Brasileiro Sub-17. Matheus Gonçalves abriu o placar para o Rubro-Negro no primeiro tempo, mas Andrey, de calcanhar, empatou. Na etapa final, Erick Marcus, de falta, e Ykaro viraram a partida para o Cruz-Maltino.

A partida de volta está marcada para a próxima segunda, às 20h, no Estádio Raulino de Oliveira, e o Flamengo precisa vencer por dois gols de diferença para levar a decisão para os pênaltis. O Vasco tenta o título inédito, enquanto os Rubro-Negros buscam o bicampeonato da competição.

+ Confira e simule a tabela da Série B do Campeonato Brasileiro


RUBRO-NEGRO NA FRENTE
O clássico começou muito movimentado, com marcação intensa no meio de campo. No primeiro momento, aos 8, o Flamengo chegou com perigo em um boa jogada de Samuel, que cruzou na área para Matheusão cabecear para fora. No minuto seguinte, o Rubro-negro conseguiu impor o seu ritmo e abrir o placar. Matheus Gonçalves fez uma bonita jogada, driblou dois adversário e bateu no canto, sem chance para o arqueiro cruz-maltino.

PRESSÃO CRUZ-MALTINA
Após abrir o placar, o Flamengo baixou as linhas e deu muito espaço para o Vasco avançar. Com isso, os Meninos da Colina criaram boas chances para empatar. Na primeira delas, Paulinho cruzou para Ykaro, que pasou por dois marcadores e chutou para boa defesa de Dyogo. Em outra boa trama vascaína, Paulinho achou Andrey, que finalizou no ângulo, mas o arqueiro rubro-negro defendeu.

QUE PINTURA!
Com mais volume de jogo e espaço pelo lado direto, o Vasco pressionava em busca do empate. Até que depois de um cruzamento na área, Dyogo saiu errado na bola, que tocou no poste direito e sobrou para Andrey. O meio-campista vascaíno mostrou recurso e estufou a rede com um bonito gol de calcanhar.

ESPAÇO NO LADO DIREITO
Mesmo empatando, o Cruz-Maltino ainda teve muito espaço e explorou o lado direito da defesa rubro-negra. A equipe enfileirou boas chances de virar, mas faltou capricho. GB recebeu sem marcação, invadiu a área e chutou em cima de Dyogo. O Flamengo deu o troco em jogada de Wesley, que foi até alinha de fundo e achou ?Matheus França na área para cabecear rente à trave.

No fim do primeiro tempo, Paulinho apareceu novamente com muita liberdade e cruzou na medida para Erick Marcus, que carimbou a trave do goleiro rubro-negro e levou muito perigo.

O TIME DA VIRADA
Na volta do intervalo, o Flamengo tentou corrigir os espaços defensivos deixados na primeira etapa. Porém, o Vasco conseguiu virar o placar. Em bonita cobrança de falta, Erick Marcus acertou o ângulo de Dyogo e colocou o Cruz-Maltino à frente no placar. Por pouco, o time de são Januário não fez o terceiro com GB que arriscou de longe e a bola passou perto.

VASCO AMPLIA
Em boa jogada do Flamengo, Petterson recebeu na área e chutou no canto para grande defesa de Allan Victor. Em seguida, foi a vez do Vasco assustar com GB, que chutou de primeira para a defesa de Dyogo. O Rubro-Negro tentava chegar ao empate, mas o goleiro vascaíno fez defesas importantes. Em um perda de bola, Erick Marcus acha Ykaro na área para marcar o terceiro gol dos donos da casa.

DISPUTA ATÉ O FIM
A decisão foi muito disputada e os meninos demonstraram muita vontade. Na melhor chegada do Flamengo na parte final do jogo, Petterson cobrou falta, mas o goleiro Allan Victor espalmou e afastou o perigo. No fim, o Vasco conseguiu segurar o resultado e leva vantagem para o jogo de volta.


FICHA TÉCNICA
VASCO 3x1 FLAMENGO

Data/Hora: 12/8/2021, às 15h30 (de Brasília)
Local: São Januário, Rio de Janeiro (RJ)
Árbitro: Tarcizo Pinheiro Caetano (RJ)
Assistentes: Daniel de Oliveira Alves Pereira (RJ) e Beatriz Geraldini de Sousa (RJ)
Quarto Árbitro: Daniel Victor Costa Silva (RJ)
Cartões Amarelos: Erick Marcus (VAS) / Darlan (FLA)
Cartões Vermelhos: -

Gols: Matheus Gonçalves (9'/1T) (0-1) / Andrey (33'/1T) (1-1) / Erick Marcus (4'/2T) (2-1) / Ykaro (16'/2T) (3-1)

VASCO (Técnico: Igor Guerra)
Allan Victor, Paulinho (Hygor 38'/2T), Lyncon, Roger, Kauã Lucas (Leandrinho 36'/2T); Barros (Pereira 40'/T), Lucas, Andrey; Erick Marcus (Paixão 32'/2T), GB (Ray 32'/2T) e Ykaro

FLAMENGO (Técnico: Mário Jorge)
Dyogo, Samuel, Kauã Moura, Darlan, Wesley (Diego Clemente - intervalo); Vitor Muller, M. França Dudu (Victor Hugo 16'/2T), Matheusão; Matheus Gonçalves (Rodriguinho 36'/2T) e Petterson

Últimas