Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Publicidade

Cruzeiro poderia ser o vice-líder do Brasileirão se não tivesse perdido pontos para times abaixo dele na classificação

A Raposa teria 31 pontos e estaria no G-4 do campeonato se não perdesse pontos"bobos"

Lance|

Lance
Lance Lance

Olho no Brasileirão! Assine o Prime Vídeo e acompanhe todos os jogos do seu time do coração!

O Cruzeiro frustrou a sua torcida após o empate diante do Coritiba no domingo (16), por 0 a 0, no Independência, pela 15ª rodada do Campeonato Brasileiro, perdendo pontos mais uma vez para um time que está abaixo da Raposa na classificação da competição. 

Uma vitória sobre o Coxa representaria a manutenção do aproveitamento de 100% no Horto e a confirmação da ascensão azul na tabela.

Atualmente na décima posição, com 22 pontos, o Cruzeiro poderia estar muito melhor no torneio se não tivesse deixado escapar pontos contra equipes em pior situação do que o time celeste – exceto o Internacional. Foram pelo menos nove pontos desperdiçados. Se tivesse marcado todos eles, os comandados de Pepa estariam na vice-liderança, com 31 pontos.

Continua após a publicidade

Copo Stanley a partir de R$120,00. Bebida gelada nos 90' de jogo do Cabuloso!

Além de deixar pontos para trás no duelo com o Coritiba, que está em 18º, com 11 pontos, o Cruzeiro também vacilou nos empates diante do Internacional e Bahia, fora, e na derrota para o Cuiabá, em casa. Em todas essas partidas, a Raposa teve condições reais de vencer e sair com os três pontos . 

Continua após a publicidade

E na próxima rodada, a Raposa terá nova chance de mudar essa situação. Adversário da vez, o Goiás, que encara o time azul no domingo (23), às 16h, no Mineirão, figura entre os quatro piores da competição, sendo o 17º, com 12 pontos.

Pepa admitiu que o time celeste tem oscilado ao enfrentar equipes da parte de baixo da tabela.

-O Cruzeiro enfrentou uma equipe da parte de baixo e na próxima rodada também enfrentará. Tem acontecido isso de termos problemas com equipes do bloco de baixo, da linha mais baixa. É uma dificuldade que temos tido. Cabe a nós reverter isso-, ponderou o treinador português.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.