Logo R7.com
Logo do PlayPlus
R7 Esporte - Notícias sobre Futebol, Vôlei, Fórmula 1 e mais
Publicidade

Coudet evita falar de desfalques do Atlético-MG no clássico com o Cruzeiro, para focar no Corinthians

Treinador desconversou sobre as ausências que terá no duelo de sábado(3)

Lance

Lance|Do R7


Lance
O treinador do Galo quer focar na Copa do Brasil antes de encarar a Raposa-(Pedro Souza/Atlético-MG)

O técnico do Atlético-MG, Eduardo Coudet, está fazendo mistério para o clássico contra o Cruzeiro, no sábado, 3 de junho, pela nona rodada do Campeonato Brasileiro, mesmo sabendo que terá desfalques certos para o duelo com a Raposa. Os argentinos Zaracho e Pavón estão suspensos e não jogam o clássico no Parque do Sabiá, em Uberlândia.

Diante do Palmeiras, no domingo (28), no Mineirão, a dupla recebeu o terceiro cartão amarelo e terão que cumprir suspensão justamente diante do arquirrival.

Questionado a respeito durante, o treinador preferiu não responder e afirmar que o foco é o Corinthians, na quarta-feira, 31 de maio, em São Paulo, pelo jogo de volta das oitavas de final da Copa do Brasil.

-Vou concentrar minha cabeça na partida de quarta. Depois podemos falar do que está por vir, do clássico. Se colocarmos a cabeça no clássico podemos ter dificuldade. Cabeça no Corinthians- destacou Coudet.

Publicidade

No duelo de ida, o Galo venceu o Timãp por 2 a 0. Assim, os mineiros podem perder até por um gol de diferença que avançará às quartas de final da competição.

Mesmo assim, o comandante atleticano ressaltou que espera enfrentar muitas dificuldades contra os paulistas.

Publicidade

-Vai ser muito difícil (contra o Corinthians), time que hoje ganhou (na rodada). Vamos concentrar neste jogo, só depois começaremos a achar o que teremos que fazer para o clássico- acrescentou.

Coudet terá uma semana complicada para montar seu time para os dois jogos, pois corria o risco de perder mais jogadores para o clássico. O lateral Saravia, o meia Hyoran e o atacante Hulk, que participaram da partida com o Palmeiras, estavam pendurados, mas não foram amarelados.

O clássico do próximo sábado será o primeiro entre Raposa e Galo no Brasileirão desde 2019, quando o time celeste acabou rebaixado à Série B.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.