Logo R7.com
Logo do PlayPlus
R7 Esporte - Notícias sobre Futebol, Vôlei, Fórmula 1 e mais
Publicidade

Corinthians perde cerca de R$ 300 milhões com rescisão da VaideBet e pode ficar sem valor da multa

Casa de apostas rescindiu unilateralmente o contrato de patrocínio máster com o clube paulista

Lance

Lance|Do R7

O Corinthians deixará de lucrar um valor milionário com o fim da parceira com a VaideBet. Na manhã desta sexta-feira (7), a casa de apostas esportivas rompeu de maneira unilateral o contrato de patrocínio máster com o clube.

➡️ Tudo sobre o Timão agora no WhatsApp. Siga o nosso novo canal Lance! Corinthians

Assinado em janeiro deste ano, o acordo entre as partes tinha validade até dezembro de 2026 e previa o pagamento de R$ 370 milhões. Deste montante, o clube recebeu pouco menos de R$ 70 milhões desde o início do ano.

Portanto, com o fim do vínculo, o Corinthians deixou de receber cerca de R$ 300 milhões. Além disso, a equipe do Parque São Jorge corre o risco de ficar sem o valor da multa prevista, que é 10% do valor restante em contrato. Ou seja, aproximadamente R$ 30 milhões.

Publicidade

No dia 27 de maio, a VaideBet notificou o clube solicitando explicações a respeito da suposta participação de um "laranja" na intermediação do acordo entre as partes. No documento enviado à diretoria corintiana, a empresa afirma que "a vinculação do nome da VaideBet com o presente escândalo envolvendo a diretoria do Corinthians e a intermediadora tornam a presente relação contratual excessivamente onerosa para o patrocinador"

O Corinthians retornou a notificação na última quinta-feira (6), mas os argumentos apresentados não convenceram a patrocinadora, que optou pelo término da parceria.

Publicidade

CONFIRA NOTA DA VAIDEBET

Publicidade

A VaideBet informa que exerceu nesta sexta-feira (7) a rescisão do contrato de patrocínio com o Sport Club Corinthians Paulista. Desde o início de abril a marca acompanha e solicita esclarecimentos sobre as suspeitas levantadas, tendo já realizado reuniões, comunicações formais e notificação extrajudicial. Diante das explicações apresentadas sem nenhuma resolutividade, a VaideBet lamentavelmente se vê obrigada a tomar tal atitude.

A marca avalia que não se pode manter a parceria enquanto pairar sobre o acordo qualquer suspeita em relação a condutas que fujam à conformidade com a ética e os preceitos legais. Só a dúvida, no crivo ético da marca, já é suficiente para determinar a rescisão - que foi exercida pela VaideBet suscitando cláusulas do contrato que protegem direitos da marca nessa decisão.

A VaideBet lamenta pelo fim de uma parceria que deveria ter durado no mínimo três anos e agradece, pelo carinho e pelo respeito, à imensa e apaixonada torcida do Corinthians, que diariamente sustenta a história e os valores da instituição.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.