Logo R7.com
Logo do PlayPlus
R7 Esporte - Notícias sobre Futebol, Vôlei, Fórmula 1 e mais
Publicidade

Clube que mais viaja na Série A, Fortaleza precisa se adaptar a logística para cumprir tabela

Em sete dias, Leão do Pici irá percorrer cerca de 4,5 mil km em três estados diferentes

Lance

Lance|Do R7

Após o empate em Porto Alegre, com o Grêmio, em partida válida pela 6ª rodada do Campeonato Brasileiro, a equipe do Fortaleza agora se prepara para viajar até à capital paulista para enfrentar o Palmeiras, pelas oitavas de finais da Copa do Brasil. Depois, o clube ainda precisará competir em mais um adversário no Brasileirão, diante do América-MG, em Belo Horizonte.

Devido às longas distâncias que irá percorrer, o Leão do Pici optou por mudar a rota durante os três confrontos. Com cerca de 4,5 mil km entre as viagens, o Fortaleza passará por três estados diferentes e ficará por volta de sete dias sem retornar à própria cidade. A estratégia utilizada pela diretoria busca diminuir o cansaço dos atletas enquanto cumprem com a sequência de jogos.

Apesar disso acontecer com frequência aos times do Nordeste, o Tricolor de Aço é o clube que mais viaja no país. Apenas no Brasileirão, a equipe percorrerá quase quatro vezes mais que qualquer clube de São Paulo. O excesso de jogos e a dificuldade na logística tornam os treinos táticos escassos e o desgaste físico dos atletas uma das maiores preocupações para a comissão técnica.

Porém, para o presidente do Fortaleza, Marcelo Paz, os trajetos não serão um empecilho durante a temporada, visto que pela localização geográfica que se encontram, as viagens longas ocorrem durante todo o calendário competitivo.

Publicidade

- Desde que subimos a Série A, descobrimos estratégias que facilitam estes longos trajetos não se tornarem uma dor de cabeça para a comissão técnica. Embora seja complexo ficarmos, às vezes, uma semana sem retornar ao nosso CT, não voltamos para Fortaleza para não ser algo mais cansativo aos atletas-, destacou o dirigente.

Além da Copa do Brasil e do Brasileirão, o Leão também está brigando na Copa Sul-Americana. Líder do grupo H com três vitórias consecutivas, a equipe voltará a Fortaleza para enfrentar o San Lorenzo após encerrar a sequência de jogos fora de casa. Para o clube, almejar um inédito título internacional permite que a reestruturação técnica e tática continuem em evolução e que o orçamento anual continue aumentando.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.