Lance Charles Do Bronx, campeão do UFC, aguentou 21 socos na cabeça antes de nocaute que lhe rendeu o cinturão

Charles Do Bronx, campeão do UFC, aguentou 21 socos na cabeça antes de nocaute que lhe rendeu o cinturão

Brasileiro passou o primeiro round sob golpes do Michael Chandler

Lance
Lance

Lance

Lance

Charles Do Bronx viveu uma noite de sábado que ficará marcada eternamente em sua carreira. Pela disputa do cinturão dos pesos leves do UFC, o brasileiro encarou o norte-americano Michael Chandler, que quase nocauteou o paulista de 31 anos ainda no primeiro round. Antes da virada histórica, Do Bronx aguentou 21 socos na cabeça, resistência que o consagrou campeão da modalidade.
+ Confira a classificação dos grupos da Libertadores

Michael Chandler esteve próximo da vitória no primeiro round. Além dos 21 golpes, acertou outros cinco no corpo e mais dois na perna do brasileiro. Em comparação, Do Bronx atingiu o norte-americano seis vezes na cabeça, três na perna e uma única vez no corpo.

- Ele me pegou em uma guilhotina [no primeiro round], estava bem ajustada e eu falei: 'desmaio, mas não desisto'. E ele deixou escapar. Fui para suas costas, tentei segurar um pouco, mas ele tem um ritmo muito forte, me puniu muito. Ainda assim, consegui permanecer em pé. Quando me sentei entre os rounds, meus técnicos pediram para descansar e manter a calma. Voltei sabendo que minha mão também era pesada. Quando acertasse ele, ele ia sentir também - pontuou Do Bronx.

Já no segundo round, o brasileiro nocauteou Chandler em apenas 19 segundos, acertando nesse período 14 golpes na cabeça do oponente.

- Eu sabia que a vitória era nossa, eu não ia desistir - concluiu Do Bronx.

Últimas