Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Publicidade

CEO da Fórmula 1 se solidariza com vítimas de terremoto na Turquia

Stefano Domenicali se manifestou sobre a tragédia natural que atingiu o país nas redes sociais

Lance|

Lance
Lance Lance

Stefano Domenicali, CEO da Fórmula 1, se manifestou sobre o terremoto que atingiu a Turquia na manhã desta segunda-feira. O país é sede de um dos grandes prêmios da temporada da categoria de elite do automobilismo.

Através de um pronunciamento nas redes sociais, Domenicali prestou condolências aos atingidos pelo desastre natural. O abalo sísmico atingiu o território turo e a Síria, os órgãos oficiais dos dois países informam que a tragédia já acumula mais de dois mil mortos.

+ Auxiliar técnico de clube turco é resgatado com vida em escombros após terremoto

- A Turquia tem um lugar muito especial no coração da F1 com pessoas maravilhosas. Ficamos todos chocados com a tragédia que aconteceu lá. Povo turco e vítimas do terremoto. "Nós oramos por ele - escreveu o Stefano Domenicali.

Publicidade

Os países se encontram em luto e existe uma grande mobilização nas redes sociais de ajuda, principalmente para a Turquia. Os turcos foram os que mais sofreram com o fenômeno da natureza. Os dados da Agência de Gerenciamento de Emergências e Desastres do país informam que pelo menos 1.498 pessoas morreram e 8.533 pessoas ficaram feridas.

+ Ex-Flamengo, Arão fala sobre situação na Turquia após terremoto: 'Companheiros de trabalho soterrados'

Além do CEO da Fórmula 1, outros personagens importantes do esporte também se pronunciaram sobre o ocorrido. O meia Alex, ídolo do Fenerbahçe, publicou nas redes sociais uma carta aberta para as vítimas. Além dele, clubes e outros jogadores também se manifestaram.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.