Centurión após perda da namorada: 'Apesar de morto por dentro, seguirei de pé por ela'

Nas redes sociais, ex-jogador do São Paulo, atualmente no Vélez Sarsfield, agradece por apoio recebido desde falecimento de Melody Pasini, aos 25 anos, no último domingo; 

Lance

Lance

Lance

Ricardo Centurión, ex-jogador do São Paulo, publicou nas redes sociais um agradecimento ao apoio recebido desde a morte da namorada, no último domingo. Na mensagem, o argentino diz que, "apesar de estar morto por dentro", seguirá "de pé por ela".

Melody Pasini tinha 25 anos e sofreu uma parada cardíaca enquanto dirigia a caminho da casa de seus pais, em Banfield, na grande Buenos Aires. O veículo bateu na sequência, mas a causa da morte foi mesmo o infarto, segundo os primeiros laudos médicos.

- Quero) agradecer a todos pelas mensagens. Não tenho forças para responder a todos, porque foram milhares me desejando força pela Mel. Quero que fiquem tranquilos porque, apesar de estar morto por dentro, seguirei de pé por ela, por minha família, seu pai, sua mãe, sua irmã, sua avó - escreveu o jogador.

- (Temos que) rezar para que essa família tenha paz e Mel, descanso eterno. Para que, com o tempo, possamos levantar e seguir sorrindo, que era o que ela mais queria. Essa mensagem é para todos os que a conheceram e para todos que tiraram um tempo para escrever. Ela já descansa em paz - concluiu o argentino.

Ricardo Centurión é atualmente jogador do Vélez Sarsfield, da Argentina. Durante a passagem do ponta canhoto pelo São Paulo, Melody costumava acompanhar os jogos do Tricolor no Morumbi e vestia a camisa do clube, mesmo que declaradamente fosse torcedora do Racing, clube onde o jogador despontou para o futebol.