Cebolinha prefere não se aprofundar em interesse do futebol europeu

Falando com a Grêmio TV, atacante fala em 'prazer em vestir essa camisa enquanto puder vestir', deixando tom de incógnita sobre estágio de negociação com o Napoli

Lance

Lance

Lance

O nome do atacante do Grêmio, Everton Cebolinha, voltou a circular com força no mercado de transferências, mas, assim como já fazia no período anterior, o avante adota sempre posicionamentos pautados na cautela e sem maiores detalhes.

Falando com a 'Grêmio TV' sobre o uso dos novos uniformes lançados pelo clube, Everton fez elogios ao design e, tentando evitar qualquer deslize, falou de maneira um tanto quanto vaga sobre sua continuidade no clube.

Além disso, o camisa 11 gremista lamentou as condições que o Tricolor precisou fazer o lançamento mediante a pandemia do novo coronavírus, mas espera que, em breve, os modelos possam ser usados diante da torcida na Arena.

- Tamo (sic) aí! Com certeza quero fazer parte da história do clube, como venho fazendo. É um prazer vestir essa camisa. Enquanto puder vestir, vou estar honrando este manto. Camisa muito bonita. A gente fica feliz de poder vestir o manto. Infelizmente, nesta situação. Mas logo vamos estar dentro da Arena de novo representando esta camisa que é muito pesada. Muito linda, olha por foto e não tem a noção. Olhando de perto e vestindo, vê que é muito bonita - disse Cebolinha.

Segundo as últimas informações referentes a possibilidade de Everton rumar para a Europa, mais precisamente para o Napoli, o jornalista André Hernán revelou que os italianos contataram diretamente o atleta, apresentaram detalhes e ouviram o que o jogador brasileiro teria como pretensão em valores.

Até o momento, os napolitanos não rebateram tanto Everton como o Grêmio no sentido de apresentar uma proposta concreta. Algo que, segundo as pretensões do clube gaúcho, teria de atingir inicialmente o patamar dos 30 milhões de euros (R$ 177,3 milhões).