Logo R7.com
Logo do PlayPlus
R7 Esporte - Notícias sobre Futebol, Vôlei, Fórmula 1 e mais
Publicidade

Caras novas da Seleção Brasileira, Yan Couto e Savinho projetam disputa da Copa América

O Brasil enfrenta o México em amistoso a ser disputado neste sábado (8), às 21h30

Lance

Lance|Do R7

O lateral-direito Yan Couto, que está com a Seleção Brasileira para a disputa da Copa América, concedeu entrevista coletiva na tarde desta terça-feira (4), e falou da importância de uma boa competição, já que boa parte da base para o Mundial deve sair desse torneio.

➡️ Siga o Lance! no WhatsApp e acompanhe em tempo real as principais notícias do esporte

- A Copa América vai ser um bom campeonato pra gente entrosar o time inteiro. Sempre é bom ter uma base pra gente ter essa convivência na Seleção, tem muitos jogadores de vários clubes. Vai ser um período muito bom pra gente se conhecer melhor e ver o que o Dorival tem a passar pra gente. Até a Copa do Mundo vai ter muito tempo, as coisas vão desenvolvendo, vamos focar na Copa América agora e queremos ganhar essa competição - avaliou o jogador do Girona.

A chance de disputar a Copa América ao lado de Vini Júnior, principal jogador na disputa do Prêmio Bola de Ouro deste ano, enche os olhos de Yan Couto, que já enfrentou o companheiro na La Liga e agora quer fazer história pela Seleção Brasileira.

Publicidade

- Aprendi muito com aquele jogo (Girona x Real Madrid), mas o mérito é do Vini. Fez uma grande temporada, vai ajudar muito - disse o lateral.

Trabalhar com o técnico Dorival Júnior também tem sido uma experiência positiva. Segundo Yan, o treinador é gente boa e ao mesmo tempo cobra bastante dos jogadores em campo. O lateral está em sua terceira convocação e disputará a primeira competição oficial pela Seleção.

Publicidade

- Temos melhorado muitas coisas. Ele tem sido o mais claro possível. Particularmente, sempre vem falar comigo. Ele é um cara que eu sei que vai ser muito vitorioso na Seleção. Espero poder fazer uma grande Copa América com ele - completou.

O Brasil enfrenta o México em amistoso a ser disputado neste sábado (8), às 21h30, nos Estados Unidos, como parte da preparação para a Copa América.

Publicidade

O atacante Savinho, também do Girona, não escondeu a timidez durante a entrevista coletiva, e disse que foi recebido pelos companheiros de Seleção Brasileira.

- A recepção de quem está há mais tempo foi muito boa, até nos treinamentos. Todos que já jogaram a Copa do Mundo e a Copa América são referências. Danilo, Paquetá, Bruno Guimarães, Rodrygo… Todos referências. Aprender a escutar vai ser muito importante pra mim - disse o atacante.

Sobre como prefere jogar, o atacante disse que já falou com Dorival Júnior para deixar claro onde se sente mais à vontade para ajudar o Brasil.

- Na primeira convocação, o Dorival me perguntou onde eu preferia jogar, aí deixei claro que jogo e me sinto bem nas duas pontas. Me sinto à vontade, mas isso vai muito do treinador. Onde jogar, vou dar o meu melhor dentro de campo - completou.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.