Campello projeta briga do Vasco no topo 'em três ou quatro anos'

Presidente do Cruz-Maltino entende que, apesar do mau momento atual, as perspectivas são otimistas para que o clube esteja brigando com as atuais potencias econômicas do país

Lance

Lance

Lance

O Vasco divulgou o balanço financeiro relativo ao ano de 2019 na última quinta-feira, e o cenário de dificuldades financeiras se mantém. Mas o presidente do clube, Alexandre Campello, está otimista quanto a um outro nível de poderio econômico e, consequentemente, técnico em campo muito em breve.

- Acho que em três ou quatro anos podemos estar concorrendo no mercado com qualquer time brasileiro. Temos que ressaltar que precisamos seguir investindo na base. A gente está investindo muito na base, na estrutura... precisamos fazer isso. Dessa forma, nos próximos anos, vamos produzir jogadores e fazer dinheiro com eles - projetou o mandatário ao site "Papo na Colina."

Campello comentou também sobre o projeto de modernização do Estádio de São Januário. O projeto em fase inicial está dividido em etapas.

- Modernizar São Januário é fundamental para termos capacidade financeira. Precisamos ampliar e fazer um estádio mais rentável para o clube. Os nossos jogos precisam gerar mais dinheiro para o Vasco, como acontece em outros times - explicou o presidente do Vasco.

Vale ressaltar, contudo, que o balanço financeiro apenas confirma o cenário preocupante que o clube cruz-maltino tem no momento. Salários estão atrasados há três meses e cerca de 250 funcionários tiveram seus respectivos contratos suspensos nesta semana.