Logo R7.com
Logo do PlayPlus
R7 Esporte - Notícias sobre Futebol, Vôlei, Fórmula 1 e mais
Publicidade

Brasileirão: veja as chances de título, ida à Libertadores e rebaixamento após a 10ª rodada

Lance

Lance|Do R7

A 10ª rodada do Campeonato Brasileiro terminou. Líder, o Botafogo manteve a diferença de dois pontos do Palmeiras. O Flamengo ultrapassou Grêmio e Atlético-MG e entrou no G4. Na disputa contra o rebaixamento, o Corinthians segue um ponto na frente do Goiás, primeiro time do Z4. Confira a tabela e as chances dos clubes de acordo com o departamento de probabilidades da Universidade Federal de Minas Gerais.
A 10ª rodada do Campeonato Brasileiro terminou. Líder, o Botafogo manteve a diferença de dois pontos do Palmeiras. O Flamengo ultrapassou Grêmio e Atlético-MG e entrou no G4. Na disputa contra o rebaixamento, o Corinthians segue um ponto na frente do G... A 10ª rodada do Campeonato Brasileiro terminou. Líder, o Botafogo manteve a diferença de dois pontos do Palmeiras. O Flamengo ultrapassou Grêmio e Atlético-MG e entrou no G4. Na disputa contra o rebaixamento, o Corinthians segue um ponto na frente do Goiás, primeiro time do Z4. Confira a tabela e as chances dos clubes de acordo com o departamento de probabilidades da Universidade Federal de Minas Gerais.
1º lugar: BOTAFOGO (24 pontos) – 10 jogos – Títulos: 33% / Libertadores: 85.2% / Sul-Americana: 13% / Rebaixamento: 0.18%
1º lugar: BOTAFOGO (24 pontos) – 10 jogos – Títulos: 33% / Libertadores: 85.2% / Sul-Americana: 13% / Rebaixamento: 0.18% 1º lugar: BOTAFOGO (24 pontos) – 10 jogos – Títulos: 33% / Libertadores: 85.2% / Sul-Americana: 13% / Rebaixamento: 0.18%
2º lugar: PALMEIRAS (22 pontos) – 10 jogos – Título: 20.6% / Libertadores: 77% / Sul-Americana: 19.8% / Rebaixamento: 0.34%
2º lugar: PALMEIRAS (22 pontos) – 10 jogos – Título: 20.6% / Libertadores: 77% / Sul-Americana: 19.8% / Rebaixamento: 0.34% 2º lugar: PALMEIRAS (22 pontos) – 10 jogos – Título: 20.6% / Libertadores: 77% / Sul-Americana: 19.8% / Rebaixamento: 0.34%
3º lugar: FLAMENGO (19 pontos) – 10 jogos – Título: 9% / Libertadores: 56.2% / Sul-Americana: 33.2% / Rebaixamento: 2%
3º lugar: FLAMENGO (19 pontos) – 10 jogos – Título: 9% / Libertadores: 56.2% / Sul-Americana: 33.2% / Rebaixamento: 2% 3º lugar: FLAMENGO (19 pontos) – 10 jogos – Título: 9% / Libertadores: 56.2% / Sul-Americana: 33.2% / Rebaixamento: 2%
4º lugar: ATLÉTICO-MG (18 pontos) – 10 jogos – Título: 7.2% / Libertadores: 51.8% / Sul-Americana: 35.1% / Rebaixamento: 2.6%
4º lugar: ATLÉTICO-MG (18 pontos) – 10 jogos – Título: 7.2% / Libertadores: 51.8% / Sul-Americana: 35.1% / Rebaixamento: 2.6% 4º lugar: ATLÉTICO-MG (18 pontos) – 10 jogos – Título: 7.2% / Libertadores: 51.8% / Sul-Americana: 35.1% / Rebaixamento: 2.6%
5º lugar: FLUMINENSE (17 pontos) – 10 jogos – Título: 6.1% / Libertadores: 46.5% / Sul-Americana: 37% / Rebaixamento: 3.6%
5º lugar: FLUMINENSE (17 pontos) – 10 jogos – Título: 6.1% / Libertadores: 46.5% / Sul-Americana: 37% / Rebaixamento: 3.6% 5º lugar: FLUMINENSE (17 pontos) – 10 jogos – Título: 6.1% / Libertadores: 46.5% / Sul-Americana: 37% / Rebaixamento: 3.6%
6º lugar: Grêmio (17 pontos) – 10 jogos – Título: 6.4% / Libertadores: 48.4% / Sul-Americana: 36.5% / Rebaixamento: 3.3%
6º lugar: Grêmio (17 pontos) – 10 jogos – Título: 6.4% / Libertadores: 48.4% / Sul-Americana: 36.5% / Rebaixamento: 3.3% 6º lugar: Grêmio (17 pontos) – 10 jogos – Título: 6.4% / Libertadores: 48.4% / Sul-Americana: 36.5% / Rebaixamento: 3.3%
7º lugar: ATHLETICO-PR (16 pontos) – 10 jogos – Título: 4.2% / Libertadores: 39.1% / Sul-Americana: 39.1% / Rebaixamento: 5.6%
7º lugar: ATHLETICO-PR (16 pontos) – 10 jogos – Título: 4.2% / Libertadores: 39.1% / Sul-Americana: 39.1% / Rebaixamento: 5.6% 7º lugar: ATHLETICO-PR (16 pontos) – 10 jogos – Título: 4.2% / Libertadores: 39.1% / Sul-Americana: 39.1% / Rebaixamento: 5.6%
8º lugar: SÃO PAULO (15 pontos) – 10 jogos – Título: 2.8% / Libertadores: 31.2% / Sul-Americana: 40.4% / Rebaixamento: 8%
8º lugar: SÃO PAULO (15 pontos) – 10 jogos – Título: 2.8% / Libertadores: 31.2% / Sul-Americana: 40.4% / Rebaixamento: 8% 8º lugar: SÃO PAULO (15 pontos) – 10 jogos – Título: 2.8% / Libertadores: 31.2% / Sul-Americana: 40.4% / Rebaixamento: 8%
9º lugar: CRUZEIRO (14 pontos) – 10 jogos – Título: 2% / Libertadores: 25.7% / Sul-Americana: 39.6% / Rebaixamento: 11.4%
9º lugar: CRUZEIRO (14 pontos) – 10 jogos – Título: 2% / Libertadores: 25.7% / Sul-Americana: 39.6% / Rebaixamento: 11.4% 9º lugar: CRUZEIRO (14 pontos) – 10 jogos – Título: 2% / Libertadores: 25.7% / Sul-Americana: 39.6% / Rebaixamento: 11.4%
10º lugar: Internacional (14 pontos) – 10 jogos – Título: 2% / Libertadores: 25.1% / Sul-Americana: 39.5% / Rebaixamento: 11.7%
10º lugar: Internacional (14 pontos) – 10 jogos – Título: 2% / Libertadores: 25.1% / Sul-Americana: 39.5% / Rebaixamento: 11.7% 10º lugar: Internacional (14 pontos) – 10 jogos – Título: 2% / Libertadores: 25.1% / Sul-Americana: 39.5% / Rebaixamento: 11.7%
11º lugar: FORTALEZA (14 pontos) – 10 jogos – Título: 1.6% / Libertadores: 23.6% / Sul-Americana: 40.4% / Rebaixamento: 11.3%
11º lugar: FORTALEZA (14 pontos) – 10 jogos – Título: 1.6% / Libertadores: 23.6% / Sul-Americana: 40.4% / Rebaixamento: 11.3% 11º lugar: FORTALEZA (14 pontos) – 10 jogos – Título: 1.6% / Libertadores: 23.6% / Sul-Americana: 40.4% / Rebaixamento: 11.3%
12º lugar: RB BRAGANTINO (14 pontos) – 10 jogos – Título: 2.1% / Libertadores: 27.6% / Sul-Americana: 41.4% / Rebaixamento: 9.1%
12º lugar: RB BRAGANTINO (14 pontos) – 10 jogos – Título: 2.1% / Libertadores: 27.6% / Sul-Americana: 41.4% / Rebaixamento: 9.1% 12º lugar: RB BRAGANTINO (14 pontos) – 10 jogos – Título: 2.1% / Libertadores: 27.6% / Sul-Americana: 41.4% / Rebaixamento: 9.1%
13º lugar: SANTOS (13 pontos) – 10 jogos – Título: 1% / Libertadores: 17.6% / Sul-Americana: 38% / Rebaixamento: 15.9%
13º lugar: SANTOS (13 pontos) – 10 jogos – Título: 1% / Libertadores: 17.6% / Sul-Americana: 38% / Rebaixamento: 15.9% 13º lugar: SANTOS (13 pontos) – 10 jogos – Título: 1% / Libertadores: 17.6% / Sul-Americana: 38% / Rebaixamento: 15.9%
14º lugar: CUIABÁ (12 pontos) – 10 jogos – Título: 1% / Libertadores: 17.2% / Sul-Americana: 36.6% / Rebaixamento: 17.9%
14º lugar: CUIABÁ (12 pontos) – 10 jogos – Título: 1% / Libertadores: 17.2% / Sul-Americana: 36.6% / Rebaixamento: 17.9% 14º lugar: CUIABÁ (12 pontos) – 10 jogos – Título: 1% / Libertadores: 17.2% / Sul-Americana: 36.6% / Rebaixamento: 17.9%
15º lugar: BAHIA (9 pontos) – 10 jogos – Título: 0.24% / Libertadores: 6.5% / Sul-Americana: 23.6% / Rebaixamento: 38.7%
15º lugar: BAHIA (9 pontos) – 10 jogos – Título: 0.24% / Libertadores: 6.5% / Sul-Americana: 23.6% / Rebaixamento: 38.7% 15º lugar: BAHIA (9 pontos) – 10 jogos – Título: 0.24% / Libertadores: 6.5% / Sul-Americana: 23.6% / Rebaixamento: 38.7%
16º lugar: CORINTHIANS (9 pontos) – 10 jogos – Título: 0.27% / Libertadores: 7.5% / Sul-Americana: 25.4% / Rebaixamento: 35.8%
16º lugar: CORINTHIANS (9 pontos) – 10 jogos – Título: 0.27% / Libertadores: 7.5% / Sul-Americana: 25.4% / Rebaixamento: 35.8% 16º lugar: CORINTHIANS (9 pontos) – 10 jogos – Título: 0.27% / Libertadores: 7.5% / Sul-Americana: 25.4% / Rebaixamento: 35.8%
17º lugar: GOIÁS (8 pontos) – 10 jogos – Título: 0.17% / Libertadores: 5.3% / Sul-Americana: 21.4% / Rebaixamento: 43.2%
17º lugar: GOIÁS (8 pontos) – 10 jogos – Título: 0.17% / Libertadores: 5.3% / Sul-Americana: 21.4% / Rebaixamento: 43.2% 17º lugar: GOIÁS (8 pontos) – 10 jogos – Título: 0.17% / Libertadores: 5.3% / Sul-Americana: 21.4% / Rebaixamento: 43.2%
18º lugar: AMÉRICA-MG (8 pontos) – 10 jogos – Título: 0.17% / Libertadores: 5.3% / Sul-Americana: 21.2% / Rebaixamento: 43%
18º lugar: AMÉRICA-MG (8 pontos) – 10 jogos – Título: 0.17% / Libertadores: 5.3% / Sul-Americana: 21.2% / Rebaixamento: 43% 18º lugar: AMÉRICA-MG (8 pontos) – 10 jogos – Título: 0.17% / Libertadores: 5.3% / Sul-Americana: 21.2% / Rebaixamento: 43%
19º lugar: VASCO DA GAMA (6 pontos) – 10 jogos – Título: 0.058% / Libertadores: 2.2% / Sul-Americana: 12.1% / Rebaixamento: 62.2%
19º lugar: VASCO DA GAMA (6 pontos) – 10 jogos – Título: 0.058% / Libertadores: 2.2% / Sul-Americana: 12.1% / Rebaixamento: 62.2% 19º lugar: VASCO DA GAMA (6 pontos) – 10 jogos – Título: 0.058% / Libertadores: 2.2% / Sul-Americana: 12.1% / Rebaixamento: 62.2%
20º lugar: CORITIBA (4 pontos) – 10 jogos – Título: 0.014% / Libertadores: 0.91% / Sul-Americana: 7.2% / Rebaixamento: 74.2%
20º lugar: CORITIBA (4 pontos) – 10 jogos – Título: 0.014% / Libertadores: 0.91% / Sul-Americana: 7.2% / Rebaixamento: 74.2% 20º lugar: CORITIBA (4 pontos) – 10 jogos – Título: 0.014% / Libertadores: 0.91% / Sul-Americana: 7.2% / Rebaixamento: 74.2%

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.