Lance Brasil precisa de combinação improvável de resultados para se classificar no Mundial de Handebol Feminino

Brasil precisa de combinação improvável de resultados para se classificar no Mundial de Handebol Feminino

Tropeço contra a Holanda complicou situação das brasileiras na competição internacional

Lance
  • Lance | por Lance

Lance

Lance

Lance

Depois de perder para a Holanda por 35 a 27 na quarta-feira (6), o Brasil precisa de uma combinação improvável de resultados para se classificar ao mata-mata do Campeonato Mundial de Handebol Feminino. Além de vencer os dois jogos restantes, a Seleção Brasileira precisa que Holanda ou Espanha percam as duas últimas partidas. No entanto, os dois países europeus ainda não tropeçaram na competição. Além disso, a equipe treinada por Cristiano Rocha teria que terminar com um saldo de gols superior às adversárias.

Na atual fase, chamada de Main Round, é contabilizada a pontuação da etapa anterior obtida nos jogos contra as seleções que também se classificaram, somada aos resultados contra as novas adversárias. Com isso, o Brasil tem apenas uma vitória e duas derrotas. A Seleção está atrás de Holanda (três vitórias), Espanha (três vitórias) e República Tcheca (duas vitórias). Apenas as duas melhores campanhas irão para o mata-mata.

➡️ Siga o Lance! no WhatsApp e acompanhe em tempo real as principais notícias do esporte

Os dois últimos jogos do Brasil serão contra a Argentina, nesta sexta-feira (8), e a República Tcheca, no domingo (10). As duas partidas acontecem em Fredrikshavn, na Dinamarca. Espanha e Holanda ainda se enfrentam, então uma das duas seleções tem uma derrota garantida. No entanto, as brasileiras precisam contar com um improvável tropeço das espanholas diante da República Tcheca ou das holandesas no duelo com a Ucrânia.

Últimas