Lance Bellucci faz desabafo e revela luta para seguir jogando tênis

Bellucci faz desabafo e revela luta para seguir jogando tênis

Tenista expôs problema com lesão e tentativa de retorno

Lance
Lance

Lance

Lance

Thomaz Bellucci fez um desabafo neste sábado nas redes sociais comentando sobre sua situação de lesão no joelho e pensamentos em aposentadoria. O ex-21º do mundo e dos melhores da história do Brasil disse que irá tentar mais uma vez.

"Há alguns meses tinha a convicção de que seria o momento de parar de jogar, fiz uma temporada muito ruim, algumas lesões, muitos problemas. Fiquei 1 mês e meio sem pegar na raquete, com pouca motivação para voltar aos treinos, já não acreditava que poderia ser feliz dentro de quadra. Quando eu estava no melhor momento da minha carreira eu era muito apegado aos resultados, as vitórias me traziam muita alegria, e a derrota, muita decepção, sempre foi uma montanha russa. Eu tinha muito medo de perder, poucos jogos eu sentia prazer em competir independente do resultado. São coisas que você vai percebendo com o decorrer dos anos é só se dá conta na hora que já passaram. Não digo que eu gostaria de voltar no tempo e ter desfrutado mais esses momento, só peço que Deus possa me proporcionar mais momentos assim para que eu possa fazer diferente. Voltei a treinar há algumas semanas e não sei se eu vou conseguir ter o desempenho que eu já tive, mas no fundo, isso não é o mais importante. Eu poderia parar de jogar hoje e eu seria muito satisfeito com o que conquistei. Sou muito grato a muitas pessoas, mas não devo nada a ninguém. Tudo que conquistei foi com muito esforço próprio, abrindo mão de muitas coisas, eu aprendi que a vida é assim, no final, tudo depende de você. Procuro desfrutar cada momento dentro de quadra mesmo que meu desempenho seja muito aquém do que eu gostaria, não sei aonde posso chegar, mas me sinto bem em voltar a treinar e a competir, talvez isso seja mais importante que os resultados. Ainda não sei quando vou voltar a competir, estou tratando de uma lesão no joelho e espero me recuperar o quanto antes. A caminhada é longa", disse o tenista que é o atual 599 do mundo e tem 34 anos.

Últimas