Lance ATP de Estoril pede autorização para receber 1/9 de seu público habitua

ATP de Estoril pede autorização para receber 1/9 de seu público habitua

Torneio investiu em publicidade em todo Portugal e agora deseja vender ingressos

Lance
Lance

Lance

Lance

Em entrevista à agência de notícias portuguesa Lusa, João Zilhão, diretor do ATP 250 de Estoril, contou que pediu com a autoridade a Direção Geral de Saúde (DGS) e ao governo português autorização para vender ingressos.

"Estamos a pedir autorização à Direção Geral de Saúde e ao governo para receber cinco centenas de pessoas, por dia, no evento. Em vez das cerca de 4.500 pessoas dos anos anteriores, pedimos um nono da lotação habitual", revelou ele que vê como possível a realização de "um evento com 500 pessoas na máxima segurança e distanciamento, cumprindo todos os protocolos impostos pela DGS e ATP Tour".

Zilhão revelou que de toda a forma, a equipe do torneio trabalha com a possibilidade de não contar com a presença de público e que neste ano a decisão foi não realizar rodadas noturnas. "Ainda não recebemos resposta formal do Governo e da DGS. Vamos ver como toda esta situação que vivemos evolui nas próximas semanas. Mas, entretanto, o mais prudente, nesta fase, é trabalhar num cenário de evento sem público e julgo que só uma decisão do primeiro-ministro poderia reverter a situação".

O diretor do torneio que em sua última edição, 2019, teve o grego Stefanos Tsitsipas como grande campeão (foto) também comentou como planeja distribuir os convites para disputa do torneio: "Os jogadores portugueses são sempre os primeiros a serem contemplados, mas vamos esperar pelo fecho das inscrições para ver quem entra no quadro principal. Depois, julgo que vamos ter pedidos muito fortes de jogadores que vão jogar Monte Carlo e Barcelona e temos de ter 'wildcards' (convites) em aberto para poder beneficiar o quadro com grandes nomes".

Alto investimento publicitário para atrair público:

Por Ariane Ferreira, Porto - O ATP de Estoril tem investido, como é habitual, em grande material publicitário em todo o território de Portugal, com intuito de atrair público para sua edição. Já em fevereiro era possível encontrar anúncios do torneio em todas as plataformas físicas possíveis.

Em janeiro, o torneio anunciou a contratação de uma nova agência publicitária para cuidar da remodelação de sua imagem. A campanha conta com insertes publicitários em canais de TV, e totens publicitários em pontos de ônibus, outdoors, mobiliário urbano e até caixas eletrônicos.

O mote da campanha da edição 2021 é "O Comeback" ('O retorno' em tradução literal) em referência a ausência do torneio em 2020 em razão da pandemia.

Confira alguns modelos:

Enquanto na Austrália se cancela a programação (extra oficial ainda a info), sair do isolamento aqui é dar de cara com os anúncios do @EstorilOpen , um grudado no outro. Nova agência de publicidade, referência clara a Federer... pic.twitter.com/smPH1BIhTS
— Ariane Ferreira em  (@euarianef) February 3, 2021

Últimas