Logo R7.com
Logo do PlayPlus
R7 Esporte - Notícias sobre Futebol, Vôlei, Fórmula 1 e mais
Publicidade

Atleta condenado por estupro garante vaga nas Olimpíadas

Classificação provocou protestos nas redes sociais

Lance

Lance|Do R7


Imagem da notícia

O jogador holandês de vôlei de praia Steven van de Velde, condenado pelo estupro de uma menina britânica de 12 anos, se classificou para os Jogos Olímpicos de Paris, provocando protestos nas redes sociais. A informação foi publicada pelo "Extra".

O atleta admitiu três acusações de violência sexual contra uma criança que conheceu no Facebook e foi condenado em março de 2016 a quatro anos de prisão. Segundo o jornal britânico "Telegraph", ele foi até o Reino Unido de avião em agosto de 2014 para se encontrar com a vítima. Na época, Van de Velde tinha 19 anos e era uma estrela em ascensão no vôlei de praia.

➡️Siga o Lance! Fora de Campo no WhatsApp e saiba o que rola fora das 4 linhas

- Antes de vir para este país, você treinava como um potencial atleta olímpico. Suas esperanças de representar seu país agora são um sonho desfeito. Ela era uma criança de 12 anos, e você tinha plena consciência do seu ato - disse o juiz do caso, Francis Sheridan.

Publicidade

No entanto, a previsão do juiz não se confirmou. Libertado após cumprir apenas 12 meses de prisão na Holanda, Van de Velde foi autorizado a reabilitar a sua carreira olímpica e garantiu a vaga para os Jogos de Paris. Ele jogará ao lado de Matthew Immers. A dupla é a 11ª no ranking mundial.

A classificação de Van de Velde provocou protestos de internautas, que mostraram indignação com a presença dele nos Jogos, e causou um dilema moral para o Comité Olímpico Internacional, já que todo atleta olímpico é obrigado a assinar uma Declaração de Direitos e Responsabilidades dos Atletas, que prevê entre os itens "atuar como um modelo".

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.