Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Publicidade

Após eliminação diante do Atlético-MG, Athletic critica arbitragem da partida nas redes sociais

Esquadrão de Aço reclama de um possível pênalti não marcado no segundo jogo da semifinal do Campeonato Mineiro

Lance|

Lance
Lance Lance

Eliminado na semifinal do Campeonato Mineiro, o Athletic divulgou, nesta segunda-feira, 20 de março, uma nota oficial na qual critica a arbitragem do jogo do último sábado, 18 de março, contra o Atlético-MG, na Arena Independência.

O Esquadrão de Aço reclama de um possível pênalti não marcado na segunda etapa de partida. O lance envolveu o goleiro Everson, do Galo, e o atacante Nathan, do Athletic, que alegou ter recebido um tapa no rosto.

+ Novidade no ar! Acompanhe as últimas negociações do Galo no mercado da bola

Vale lembrar que, na ocasião, o árbitro Felipe Fernandes Lima (MG) foi chamado pelo árbitro de vídeo, Igor Junio Benevenuto, para checagem do lance. Mesmo assim, o juiz em campo manteve a decisão e não marcou a penalidade.

Continua após a publicidade

Confira a nota do Athletic, na íntegra:

"O Athletic Club vem a público manifestar seu repúdio em relação à conduta da equipe de arbitragem no jogo de volta da semifinal do Campeonato Mineiro. Uma decisão equivocada do árbitro interrompeu o sonho de uma cidade.

Continua após a publicidade

Em lance ocorrido aos 27 minutos do segundo tempo, ao sair da meta para dar um chutão na bola, o goleiro da equipe adversária acertou um tapa no rosto do nosso lateral Nathan, dentro da grande área.

O movimento do atleta adversário é antinatural, caracterizando a infração dentro da área. O árbitro da partida foi acionado pela equipe do VAR, sugerindo a marcação do pênalti, mas equivocadamente interpretou como lance normal.

Continua após a publicidade

Essa manifestação oficial só ocorre após uma criteriosa análise do lance, inclusive com o amparo de diversos especialistas em arbitragem. Todos os analistas consultados foram unânimes em destacar que o atleta do Esquadrão de Aço sofreu falta dentro da área do adversário. Além disso, diversos comentaristas de rádio e TV também destacaram que o Athletic Club foi prejudicado com a decisão.

A decisão equivocada do árbitro da partida representa muito mais que um simples erro, ela coloca fim em uma participação histórica da nossa equipe no campeonato estadual, interrompendo o sonho de uma cidade e de centenas de trabalhadores que se dedicam diariamente para o sucesso deste clube.

O Athletic entendeu ser necessário defender seus direitos e cobrar providências da Federação Mineira de Futebol. Por isso, enviará à entidade um ofício exigindo medidas firmes para que os clubes do interior tenham seu trabalho respeitado."

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.