Lance Após conquistar titulo Pan-Americano, Hugo Calderano será o quarto do mundo na próxima semana

Após conquistar titulo Pan-Americano, Hugo Calderano será o quarto do mundo na próxima semana

Hugo comemora título que lhe renderá melhor ranking até aqui na carreira. Com a vitória em Lima, o brasileiro ultrapassará o japonês Tomokazu Harimoto 

Lance
Lance

Lance

Lance

A conquista do título individual do Campeonato Pan-Americano de tênis de mesa, na segunda-feira, renderá a Hugo Calderano mais um feito inédito na sua carreira: na próxima semana, o carioca de 25 anos aparecerá como quarto colocado do ranking mundial.

Atual número cinco da lista, Hugo levou 500 pontos pela vitória em Lima, no Peru, chegando a 8.964. Assim, o brasileiro ultrapassará o japonês Tomokazu Harimoto, que soma 8.709.

Melhor ranqueado do Pan-Americano, Hugo chegou à competição carregando grande expectativa para a conquista de mais um título continental - o que lhe serviu de combustível ao longo das disputas.

- Sempre tem um pouco de pressão jogando aqui no continente porque sou favorito ao título, mas acredito que sei jogar bem com essa pressão, eu gosto dela. Também sabia que, se conquistasse o título, seria o número quatro do mundo. Então, foi ainda mais especial - afirmou Hugo.

Hugo Calderano faturou o título ao derrotar na decisão o canadense Eugene Wang (280º) por 4 sets a 2. Antes, o carioca deixou pelo caminho o peruano Rodrigo Vigo (1.517º), o argentino Francisco Sanchi (552º), o portorriquenho Brian Afanador (93º) e o compatriota Vitor Ishiy (63º).

Para Hugo, o Pan-Americano mostrou mais uma vez que o tênis de mesa das Américas vive um momento de evolução.

- É muito bom estar aqui. Sempre que venho ao continente a torcida quer assistir aos meus jogos. O nível das Américas subiu muito nos últimos anos, há muitos jogadores bem fortes - disse o atleta.

Hugo passa por um grande momento na sua carreira. Após o histórico quinto lugar nos Jogos Olímpicos de Tóquio-2020, o brasileiro conquistou o inédito título do WTT Star Contender Doha, no fim de setembro, e agora o Pan-Americano. Neste período, também estreou por seu novo clube, o Fakel Gazprom Orenburg, da Rússia, com cinco vitórias na segunda fase da Champions League.

Após o Pan-Americano, o próximo compromisso de Hugo será o Campeonato Mundial individual e de duplas, de 23 a 29 de novembro, em Houston, nos Estados Unidos. O carioca será o terceiro cabeça de chave da competição.

Últimas