Lance Após 50 anos, Cruzeiro pode voltar a ter um treinador argentino no comando

Após 50 anos, Cruzeiro pode voltar a ter um treinador argentino no comando

Em busca de um técnico para 2024, Fernando Gago e Gabriel Milito são os principais alvos da Raposa

Lance

Com os ex-jogadores Gabriel Milito e Fernando Gago, ambos argentinos, como possíveis técnicos para comandar a Raposa em 2024, está vai ser a primeira vez em 50 anos que um argentino será treinador do clube.

Nesta terça-feira (12), segundo o GE, Fernando Gago recebeu uma proposta da Raposa para comandar a equipe. Com isso, desde 1970, o Cruzeiro terá a beira do campo um argentino na liderança. O último e único treinador da Argentina, foi Filpo Núñez.

➡️ Siga o Lance! no WhatsApp e acompanhe em tempo real as principais notícias do esporte

Filpo comandou o Cruzeiro nos anos de 1955 e 1970. Na década de 50, o argentino comandou a equipe por apenas uma partida, sendo derrotado pelo maior rival, o Atlético Mineiro, por 2 a 1.

➡️Cruzeiro busca contratar técnico argentino para comandar equipe em 2024; Milito e Gago são os alvos

Em sua segunda passagem, nos anos 70, foi mais longa, porém não vitoriosa. Filpo comandou a equipe por nove jogos e conseguiu apenas duas vitórias, com quatro empates e três derrotas.

Agora, após 53 anos, o Cruzeiro poderá contar com um técnico argentino em campo. O principal alvo é o Fernando Gago, que estreou como treinador em 2021, no Aldosivi, da Argentina. Desde então, Gago esteve no Racing, em que teve 116 jogos, 55 vitórias, 34 empates e 27 derrotas.

Últimas