Lance Ao L!, Ronaldinho Gaúcho fala de música, eSports e ‘life style’; Bruna Cramer conta o segredo do sucesso do ‘Bruxo’ nas redes sociais

Ao L!, Ronaldinho Gaúcho fala de música, eSports e ‘life style’; Bruna Cramer conta o segredo do sucesso do ‘Bruxo’ nas redes sociais

LANCE! bateu um papo com o astro do futebol e com a assessora que cuida do gerenciamento de suas redes sociais

Lance
Lance

Lance

Lance

O saudosismo é uma característica marcante do futebol. Talvez, Ronaldinho Gaúcho seja um dos principais nomes que remetem a nostalgia do "Joga Bonito" do futebol brasileiro. Singular dentro dos gramados por sua magia, Ronaldo de Assis Moreira transportou, após a aposentadoria, sua simpatia com a bola para as redes sociais.

+ Veja a tabela da Champions League!

Para dimensionar o tamanho de Ronaldinho na internet, basta compará-lo a outros jogadores em atividade. Robert Lewandowski, eleito pela Fifa como melhor jogador do mundo na última temporada, exibe 21 milhões de seguidores no Instagram, enquanto R10 ostenta mais do que o dobro.

Lado a lado com o astro do PSG Kylian Mbappé, a vantagem diminuí. O ex-Barcelona tem quase 59 milhões de fãs, cerca de 600 mil usuários a mais que o craque francês, que ainda caminha para o auge de sua carreira em plena era da internet. Então, se você quer saber o que aconteceu com o Ronaldinho Gaúcho, é só acompanhar suas redes sociais.

Proclamado autor do "sinal do Ronaldinho", ou o famoso "hangloose", R10 exibiu um novo jeito carismático de jogar futebol. Por isso, conquistou não só duas Bolas de Ouro, mas também uma legião de fãs espalhados pelo mundo. O legado é tão evidente que, apesar da Era Messi e Cristiano Ronaldo ter abalado as estruturas do mundo da bola, o brasileiro é tratado por muitos - até pelos que não acompanharam sua carreira - como um dos maiores de todos os tempos.

Em entrevista exclusiva ao LANCE!, o craque brasileiro comentou sobre sua vida fora de campo e explicou curiosidades que o tornaram um fenômeno nas redes sociais.

- Eu amo o que faço. Jogar futebol sempre foi muito mais do que um jogo! É onde me encontro comigo mesmo. É o que sempre quis fazer, nunca pensei em jogo bonito... Sempre pensei em ser campeão, ser reconhecido pelo meu futebol. Me espelhei em muitos craques que vi jogar e que me fizeram ter a certeza de que era exatamente isso que queria fazer. Isso fez meu estilo agradar as pessoas. Acho que o sorriso e jogar com alegria é uma parte de mim que marcou minha passagem - começou Ronaldinho.

Jogando e vivendo por música
Reconhecidamente apaixonado por música, Ronaldinho, recentemente, abriu a gravadora "Tropa do Bruxo". Questionado sobre os motivos que o levaram a investir no ramo, ele conta que foi um caminho natural, já que sempre jogou 'com música na cabeça'.

- A música sempre fez parte da nossa casa e de nossa família. Eu jogo com música na minha cabeça. O aquecimento sempre tem música. Se estamos viajando pelo mundo, aproveito para descobrir algo novo da música local. Foi um caminho natural, mundos diferentes, mas muito parecidos na relação com as pessoas e em despertar paixão, desejo e multidão. Eu sou assim: gosto de gente e estádio cheio. A Tropa do Bruxo está crescendo na cena com um trabalho de qualidade e muito bem executado, artistas ganhando visibilidade, outros dando espaço aos mais jovens, um clima bacana mesmo. Acho que na sequência vem uma participação com um grande nome latino - disse.

Alcançando a garotada
Bruna Cramer, assessora que cuida das redes sociais e faz os planejamentos estratégicos do ex-jogador, explica também que todo esse sucesso fora dos gramados ajudou a espalhar o legado de Ronaldinho.

- Nos últimos tempos, viemos compartilhando muita coisa que o Ronaldo tem feito na música. Ele adora suas composições, seu projeto da Tropa do Bruxo, entre outras coisas. O público dele entre 13 e 17 anos já era grande, mas lógico que agora tende a aumentar. Até um pouco inexplicável, pois essa galera nem viu as “magias em campo", mas acredito que o carinho pelo Ronaldo, por tudo que ele representa, acabou ultrapassando gerações. E logicamente ele fazendo esse trabalho com as coisas que a garotada acompanha os aproxima ainda mais - completa Bruna, que é casada com Assis e é cunhada do craque.

Sobre a R10 Team, equipe de eSports de Ronaldinho, o craque conta como surgiu a vontade de se aproximar do mundo virtual. Em agosto, o time patrocinado por ele foi campeão da 'KOEL Finals C6', principal torneio independente de futebol virtual da América Latina.

- Muito bom falar sobre algo que dentro das concentrações e hotéis curtíamos fazer. Passávamos horas jogando, era muito bom os torneios com os colegas. Depois, vieram outros jogos e cada vez mais jovens jogando. A Tropa do Bruxo me trouxe novamente para a cena dos games. Eu estava em uma gravação e rolou uma partida que reascendeu a vontade de jogar. Estamos em um momento muito legal e temos grandes nomes junto neste projeto - celebrou.

Ronaldinho Gaúcho e cunhada/assessora Bruna Cramer

Ronaldinho Gaúcho e cunhada/assessora Bruna Cramer

Lance

Ronaldinho é assessorado pela cunhada Bruna Cramer (Foto: arquivo pessoal)

Bruna Cramer revelou como é feito o planejamento para manter o engajamento e proximidade com os fãs e qual é o perfil dos seguidores do ‘Bruxo’.

- O público dele é global e 80% masculino. O meu trabalho é o aproximar das pessoas. Compartilhar as viagens através dos "stories" para que todos vejam que ele é um ser humano de carne e osso, além dos projetos que faz com tanto amor pra um público tão fiel e apaixonado - conta Bruna.

- Fazemos um trabalho de conteúdo que fica programado. São ações com os produtos da linha dele e, paralelo a isso, o Ronaldo vai postando as fotos pessoais ou de alguma eventualidade que aconteça no seu dia a dia e que ache legal compartilhar com seus fãs. Eu destaco uma ação muito legal que fizemos quando ele se machucou no Atlético-MG, que se chamava “Volta Ronaldinho“. Se tratava de compartilhar mensagens de apoio que ele recebia para se recuperar para o Mundial por conta de uma lesão na coxa. Foi muito emocionante acompanhar com ele mais de milhões de mensagens que o motivaram na sua recuperação – concluiu.

Últimas