Andrés revela relação estremecida com Galiotte após episódio na final

Em entrevista ao programa "Tino Marcos Uchôa", do GE, presidente do Corinthians diz que não fala com o mandatário palmeirense desde a desavença por causa dos testes de Covid

Lance

Lance

Lance

Corinthians e Palmeiras estão a um dia de disputar outro Dérbi em 2020, será o quarto somente neste ano. Mas parece que a rivalidade não está apenas dentro de campo, já que os presidentes estão com a relação estremecida desde o episódio dos testes de Covid-19, antes do primeiro jogo da final do Paulistão. Segundo Andrés Sanchez, ele não fala com Maurício Galiotte desde então.

Em entrevista ao programa "Tino Marcos Uchôa", do GE, Andrés foi questionado sobre aquele momento em que teria se recusado a submeter seus jogadores a exames de Covid-19, durante reunião com representantes da FPF e do Verdão. Segundo o corintiano, aquilo foi uma reação à postura do rival, que não cumpriu o protocolo acordado para a retomada da competição e ficou magoado pois o presidente palmeirense teria vazado o assunto à imprensa.

- Ele não me ligou, eu também não liguei para ele. Eu acho que ele errou, ele vazou para a imprensa antes de acabar a reunião que eu não queria fazer exame de Covid. Eu não falei que eu não iria fazer, eu disse que quem não cumpriu o protocolo, que faça. O Corinthians estava cumprindo o protocolo, eles não cumpriram, eles têm que fazer exame. Antes de acabar a reunião, quando eu falei "então veja com os médicos, se eles quiserem fazer, a gente faz, não tem problema, mas quem não cumpriu o protocolo, tem que fazer".

A quebra no protocolo a qual Andrés se refere é o fato de o Palmeiras ter liberado seus jogadores para folgas após os jogos, enquanto o indicado era permanecer em confinamento durante todo o período de disputa da reta final do Paulistão, como fez o Corinthians. Apesar do entrevero, o mandatário alvinegro fala de Galiotte como um amigo, mas que a ligação parta do rival.

- Ele vazou isso para a imprensa, eu fiquei muito magoado, mas não tenho nada contra ele, um grande amigo, uma grande pessoa, um grande dirigente. Agora, eu não liguei, porque eu não cometi nenhum erro com ele e ele cometeu erro comigo. Se ele ligar, atendo, falarei com ele no maior prazer, mas eu não vou ligar não - concluiu Andrés Sanchez.

Corinthians e Palmeiras disputam o quarto Dérbi desta temporada nesta quinta-feira, às 19h15, na Neo Química Arena, pela nova rodada do Brasileirão-2020. O Timão ocupa a 11ª posição na tabela com nove pontos, já o Verdão está na sexta colocação, com 13 pontos. Ambos têm um jogo a menos.