Logo R7.com
Logo do PlayPlus
R7 Esporte - Notícias sobre Futebol, Vôlei, Fórmula 1 e mais
Publicidade

Alemanha prova do próprio veneno ao ser eliminada na fase de grupos da Copa

Em Copas anteriores, seleção já teria "manipulado" resultados a seu favor para avançar

Lance

Lance|Do R7


Lance
Lance

A Alemanha entrou em campo para enfrentar a Costa Rica com uma missão difícil: não bastava vencer, dependia de outros resultados para avançar às oitavas de final. Não deu. Apesar de ter vencido o duelo por 4 a 2, a vaga não veio, Japão e Espanha avançaram. Mas quando o assunto é resultado inesperado, a seleção alemã parece entender.

Na Copa do Mundo de 1974, ano em que a Alemanha Ocidental sagrou-se campeã, a seleção chegou à final por ter, para muitos, "deixado" a Alemanha Oriental vencer o confronto por 1 a 0. Com a derrota, a Alemanha Ocidental fugiu do grupo de Brasil, Holanda e Argentina, e teria ficado com um grupo teoricamente mais fraco, que tinha Polônia, Suécia e Iugoslávia, para chegar à decisão.

> Veja a tabela da Copa do Mundo 2022

> COPA DO MUNDO: TUDO O QUE ROLA NO QATAR

Publicidade

Na final daquele ano, a Holanda saiu na frente, mas a Alemanha conseguiu virar o jogo, por 2 a 1, e ficar com a taça daquela edição em que o Brasil terminou em 4º lugar.

Mais tarde, em 1982, no que ficou conhecido como o "Jogo da Vergonha", os germânicos sabiam o que fazer para se classificar e puxar junto a Áustria, adversária da vez.

Publicidade

Naquela época, os jogos da última rodada não aconteciam de forma simultânea, ou seja, Alemanha Ocidental e a Áustria entraram em campo sabendo exatamente o que precisavam fazer para ambas se classificarem. Com uma vitória simples a Alemanha avançava, e os austríacos poderiam perder que, ainda assim, ficariam com a outra vaga.

E assim foi feito: vitória por 1 a 0. A partida foi marcada por toques de bola e poucas chances de gols, sob vaias dos torcedores presentes em Gijón. O episódio manchou a campanha alemã, que terminou com o vice-campeã após derrota para a Itália na decisão.

Em 2022, não bastava apenas vencer a Costa Rica, era preciso torcer por uma vitória da Espanha sobre o Japão, o que não aconteceu. A Alemanha empatou em pontos com os espanhóis, mas perdeu a segunda colocação para os japoneses por conta do saldo de gols: 6 contra 1. Foi o segundo ano consecutivo que a Alemanha cai na fase de grupos do Mundial.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.