Logo R7.com
Logo do PlayPlus
R7 Esporte - Notícias sobre Futebol, Vôlei, Fórmula 1 e mais
Publicidade

Zagueiro-artilheiro, Bastos lamenta empate sofrido pelo Botafogo contra o Vasco

Angolano fez o gol do Fogão em São Januário, tornando-se o principal marcador do time no Brasileirão ao lado de dois companheiros

Jogada 10

Jogada 10|Do R7


Foto: Vitor Silva/Botafogo Vitor_Silva

O zagueiro Bastos, do Botafogo, lamentou o empate sofrido no fim do jogo contra o Vasco, neste sábado (29), em clássico em São Januário. A equipe de General Severiano abriu o marcador com gol do próprio angolano, aos 28′ do segundo tempo, mas cedeu a igualdade aos 39′.

Bastos, que é um dos artilheiros do Botafogo no Brasileirão (ao lado de Júnior Santos e Danilo Barbosa), com três gols, analisou a partida na casa do rival.

LEIA MAIS: Textor convoca torcida do Botafogo para mandar mensagens a Almada

“É difícil, principalmente por ser nos últimos minutos que sofremos o gol. Agora é trabalhar e pensar na próxima partida. Foi um jogo competitivo, o Vasco jogou em casa e nós procuramos fazer o nosso jogo. Infelizmente o resultado não saiu do jeito que a gente esperava, a única maneira de ultrapassar isso é continuar trabalhando”, avaliou.

Publicidade

O angolano vive fase artilheira, aliás. Todos os seus três gols saíram nas últimas seis partidas. O primeiro da sequência foi contra o Fluminense – o da vitória, diga-se -, em jogo pela oitava rodada. Dois jogos depois, foi dele o gol salvador no empate no último lance diante do Athletico, no Nilton Santos. Até chegar, enfim, neste tento, também de cabeça, contra o Vasco.

O Botafogo tem o Cuiabá pela frente, na próxima quarta-feira (3), na Arena Pantanal, pela 14ª do Brasileirão. O jogo será às 19h (de Brasília).

Publicidade

Siga o Jogada10 nas redes sociais: TwitterInstagram e Facebook.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.