Jogada 10 WTorre manda trocar gramado do Allianz Parque após polêmica

WTorre manda trocar gramado do Allianz Parque após polêmica

Depois de muitas reclamações após o clássico entre Palmeiras e Santos, empresa vai trocar a grama do estádio palestrino

Jogada 10
Foto: Staff images

Foto: Staff images

Jogada 10

Após muitas críticas neste domingo (28) depois do duelo entre Palmeiras e Santos, pela terceira rodada do Paulistão, a WTorre solicitou a troca do gramado do Allianz Parque. A decisão ocorre depois de a empresa afirmar que seria necessário renovar o composto do campo. O clássico da saudade ficou marcado pelas diversas reclamações dos jogadores e dos treinadores sobre as condições da grama do estádio palestrino.

A WTorre não tinha se decidido antes pela mudança do gramado porque não recebeu nenhuma indicação da Soccer Grass, responsável pela manutenção do campo do Allianz Parque. Além disso, a validade da grama está dentro do prazo que é de oito anos. Um integrante da Fifa chegará ao Brasil em março para avaliar o estado da grama do estádio.

Após o clássico, a Soccer Grass enviou um laudo para a WTorre, informando sobre a necessidade da troca. A empresa soltou uma nota pública em que afirma que deveria ser trocado o termoplástico do gramado, material que estaria ficando preso na chuteira dos jogadores.

A empresa não informou quando a troca do gramado vai começar e quando ficará pronta. Contudo, o Verdão já emitiu uma nota oficial dizendo que não vai jogar no Allianz Parque até que a manutenção do estádio seja feita. Até lá, o Alviverde deve atuar na Arena Barueri, onde a presidente do clube, Leila Pereira, tem a licitação. Assim, o Palmeiras não precisará alugar um estádio.

A polêmica com o gramado do Allianz Parque

O Verdão contesta o gramado já faz algum tempo. Contudo, as reclamações aumentaram após o atacante Bruno Rodrigues, que chegou em janeiro no clube, lesionar o joelho após o duelo contra a Inter de Limeira. O jogador deve ficar afastado dos gramados por algum tempo.

Aliás, para o clássico, Fábio Carille fez mudanças no time titular por conta do gramado. Assim, Felipe Jonatan, Guilherme, Julio Furch e Giuliano começaram o clássico no banco. O camisa 10 chegou a entrar no segundo tempo, mas ficou poucos minutos em campo, pedindo substituição. Ao sair, o meia disse que “com este gramado não dá”. Após a partida, o treinador disse que até Abel Ferreira reclama da grama.

Siga o Jogada10 nas redes sociais: TwitterInstagram e Facebook.

Últimas