Logo R7.com
Logo do PlayPlus
R7 Esporte - Notícias sobre Futebol, Vôlei, Fórmula 1 e mais
Publicidade

Wesley, do Flamengo, é acusado de agressão e ameaça a homem em quiosque na praia

Pouco tempo depois de uma discussão, o jogador do Flamengo, de 20 anos, cometeu a agressão

Jogada 10

Jogada 10|Do R7

Foto: Gilvan de Souza/Flamengo
Foto: Gilvan de Souza/Flamengo Foto: Gilvan de Souza/Flamengo (Jogada 10)

O lateral-direito Wesley, do Flamengo, foi acusado de agredir um homem em um quiosque na praia da Barra da Tijuca, no Rio de Janeiro, na noite de domingo (10). Segundo a vítima, o empresário Kaio Mana, que registrou um boletim de ocorrência, ela teve uma discussão com o jogador, que posteriormente deu um soco em seu rosto.

A vítima apresenta uma marca roxa próxima ao olho esquerdo e um corte na boca.

Segundo depoimento de Kaio, a discussão começou quando Wesley, que estava com um amigo, o acusou de tirar uma foto sua sem autorização. A vítima, que também estava acompanhada, disse que não havia feito nenhum registro. Pouco tempo depois após o fim da confusão, o atleta foi até à mesa de Kaio, que estava comendo um sanduíche, e o agrediu.

“Depois do soco eu fiquei um pouco preocupado. Ele me ameaçou. Falou que eu ia pagar caro se fosse jogar na mídia, me ameaçou de morte. Só que não tem como porque ele me agrediu, minha boca está doendo. Por medo eu não quis fazer o boletim de ocorrência ontem (domingo). Aí hoje liguei para os meus advogados, e eles me aconselharam a vir aqui (delegacia) para proteger a minha imagem e a minha vida”, disse Kaio Mana ao “Ge”.

Publicidade

A delegacia, aliás, já solicitou imagens do local do ocorrido para investigar o caso. Assim, nos próximos dias, Wesley, de 20 anos, terá que prestar depoimento. Segundo a assessoria do jogador, o mesmo não se pronunciará.

Siga o Jogada10 nas redes sociais: TwitterInstagram e Facebook.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.