Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Publicidade

Washington acredita em título do Fluminense: ‘Mas, se perder, ficará uma marca no clube’

Ídolo da torcida do Tricolor, o Coiração de Leão vê o time em condições de bater a LDU na final da recopa e acabar com a 'maldição'

Jogada 10|

Foto: Marina Garcia / Fluminense
Foto: Marina Garcia / Fluminense Foto: Marina Garcia / Fluminense (Jogada 10)

Washington, o Coração Valente, ex-jogador do Fluminense viu o time perder a primeira partida da final da Recopa Sul-Americana para a LDU por 1 a 0. Logo lembrou da final da Libertadores de 2008, quando o Tricolor perdeu a final, no Maracanã, para o mesmo adversário equatoriano. Mas, em entrevista para o portal Torcedores, ele explicou por que acredita que o desfecho, agora, será diferente.

O segundo jogo da decisão será nesta quinta-feira (29/2), no Maracanã. Assim, fechará a trilogia de decisões entre Fluminense e LDU. Entre a final da Recopa Sul-Americana deste ano e a decisão da Libertadores de 2008, teve também a disputa do título da Sul-Americana de 2009, também vencida pelo time de Quito. Assim, perder o terceiro título para a LDU no Maracanã não passará em branco na história do Tricolor, admite o ídolo. Veja o papo:

P: O que achou do primeiro jogo?

Washington: Todo mundo sabe o quanto é difícil jogar na altitude, o Fluminense teve de mudar sua maneira de jogar por causa disso. Mas é claro que a LDU foi melhor, mereceu vencer o primeiro jogo. Contudo, o Fluminense ainda teve a questão da arbitragem, que atrapalhou. O melhor, comparando com a final da Libertadores de 2008, é a questão da diferença de gols. Aquele título em 2008 foi decidido na primeira partida (vencida pelos equatorianos por 4 a 2). Dessa vez o Fluminense perdeu apenas por um gol. Então acredito que o time, no Maracanã, com o apoio da torcida, tem totais condições de reverter o resultado e conquistar o título, sem nem precisar ir para a disputa de pênaltis.

P: Passou um filme na cabeça, ver o Fluminense novamente naquele estádio?

Washington: Sem dúvida, a gente lembra a decisão de 2008. É muito difícil jogar na altitude, foi difícil jogar lá para gente e foi novamente para esse Flu de agora.

P: Vencer a Libertadores ajudou o tricolor a exorcizar o fantasma do vice em 2008. Mas perder um terceiro título para a LDU no Maracanã deixaria uma marca nesse elenco, não?

Washington: Não creio que deixará uma marca nos jogadores. É um grupo totalmente diferente, que não tem nenhuma relação com aquelas derrotas lá trás. Mas sem dúvida perder esse título deixaria uma marca no Fluminense, no clube. Perder a terceira final internacional para o mesmo adversário é algo que ficaria marcado. Mas os jogadores do Fluminense atual são muito capazes, se isso acontecer, se o time não for campeão, eles terão totais condições de lidar com isso da melhor maneira e seguir a temporada normalmente, buscando outro título da Libertadores e outros títulos ao longo do ano.

Washington e a expectativa para a temporada do Fluminense

Washington vê o atual grupo como superior ao de 2024, com contratações pontuais que deixaram o elenco mais encorpado.

O time perdeu o Nino e ainda não chegou um zagueiro do mesmo nível. O elenco tem bons zagueiros, mas não tem um do nível do Nino. Mas, manteve o André, o Arias, jogadores que vinham sendo procurados por outros clubes. E as peças que chegaram vão manter o nível entre titulares e reservas”, disse.

Para ele, apesar de muito torcedores reclamarem da idade avançada dos reforços, o que faz o elenco ter 16 jogadores com mais de 30 anos, não o preocupa:

“Vieram jogadores de qualidade e não saiu praticamente ninguém, além do Nino. O que acontece é que é normal os jogadores que estão chegando levarem um tempo até se entenderem com o esquema de jogo do Fernando Diniz. Isso vai levar um tempo. Tem a questão física também, os jogadores não estão no melhor da parte física ainda. Mas tenho certeza de que isso vai ter mudado quando o Fluminense entrar na disputa da Libertadores, do Campeonato Brasileiro”.

Siga o Jogada10 nas redes sociais: TwitterInstagram e Facebook.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.