Logo R7.com
Logo do PlayPlus
R7 Esporte - Notícias sobre Futebol, Vôlei, Fórmula 1 e mais
Publicidade

Volume de água diminui no Beira-Rio e expõe danos causados pelas enchentes

Nível da água baixou e mostrou as condições do gramado do estádio do Internacional por conta tragédia climática no Rio Grande do Sul...

Jogada 10

Jogada 10|Do R7

Foto: Reprodução de vídeo

O volume de água no gramado do Estádio Beira-Rio, do Internacional, diminuiu nesta segunda-feira e expôs as condições atuais após a enchente histórica em Porto Alegre e em todo o estado do Rio Grande do Sul. O alagamento ao redor diminuiu, revelando áreas sem grama e outras com aspecto amarelado. O Centro de Treinamento do clube, entretanto, continua totalmente inundado.

O gramado do Beira-Rio permaneceu alagado por cerca de uma semana. Nos próximos dias, o clube avaliará as condições do campo para obter um prognóstico mais preciso sobre a recuperação do gramado e estimar quanto tempo será necessário para que o estádio esteja apto a receber jogos novamente.

Volume pode voltar a subir

Publicidade

Há, contudo, a preocupação com novos alagamentos no estádio colorado. O nível do Guaíba, que vinha diminuindo lentamente nos últimos dias, voltou a subir com as chuvas, alcançando 4,94 metros no Cais Mauá nesta segunda. Pesquisadores da Universidade Federal do Rio Grande do Sul estimam que o nível pode chegar a 5,5 metros nos próximos dias, superando a enchente da semana passada.

Apesar de a água ter recuado no Beira-Rio, o CT Parque Gigante permanece totalmente submerso. O prédio do complexo e os campos de treinamento estão inundados. O Inter aguarda a água baixar para avaliar os danos, mas já admite que muito pouco poderá ser recuperado.

Siga o Jogada10 nas redes sociais: TwitterInstagram e Facebook.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.