Jogada 10 Veiga brilha de novo e Palmeiras vence o Santos no Allianz Parque

Veiga brilha de novo e Palmeiras vence o Santos no Allianz Parque

Meia marca mais um gol no Paulistão, Verdão se impõe e vence o Peixe por 2 a 1, diante de seu torcedor, pela terceira rodada do Paulistão...

Jogada 10
Foto: Cesar Greco/Palmeiras/by Canon

Foto: Cesar Greco/Palmeiras/by Canon

Jogada 10

O Palmeiras conseguiu se impor e venceu o clássico contra o Santos por 2 a 1, neste domingo (28), no Allianz Parque, pela terceira rodada do Campeonato Paulista. Após um primeiro tempo sem gols, o Verdão abriu 2 a 0 com gols de Raphael Veiga (sempre ele) e Flaco López. O Peixe chegou a diminuir com Otero, mas não conseguiu o empate. Assim, o Alviverde chegou aos sete pontos e segue líder do grupo B. Por outro lado, o Alvinegro Praiano perdeu sua invencibilidade no ano, mas também lidera sua chave.

Agora, o Palmeiras encara o RB Bragantino, nesta quarta-feira (31), às 19h30, fora de casa, pela terceira rodada do Paulistão. Por sua vez, o Santos duela contra o Água Santa, em Diadema, no mesmo dia, às 21h30.

PRIMEIRO TEMPO DE EMOÇÃO, MAS SEM GOL

Os primeiros 45 minutos do clássico foram de algumas boas chances, mas nenhum gol. Aliás, o argentino Flaco López chegou a balançar a rede do Santos, aos 19 minutos, mas ele estava impedido. Contudo, o Palmeiras ficou perto de abrir o placar aos 36 minutos. Raphael Veiga bateu falta e acertou a trave direita de João Paulo. O Peixe, que ficou à espera de contra-ataques no primeiro tempo, teve sua melhor oportunidade aos 42 minutos. Willian ficou cara a cara com Weverton, que fez boa defesa, mas já estava impedido. Murilo e Mayke também tiveram boas chances de colocar o Verdão na frente, mas pecaram na finalização. Primeiro tempo bastante disputado, mas sem bolas na rede.

SEGUNDO TEMPO

Já na etapa final, brilhou a estrela do artilheiro do Paulistão. Após cruzamento de Piquerez, a bola desvia e sobra para Raphael Veiga. O meia  pega de primeira, meio mascado, mas acerta o canto esquerdo de João Paulo e abriu o placar no Allianz Parque. Logo na seguida do gol, Flaco López arrancou pela esquerda e finalizou pra fora, quase marcando o segundo. Embalado e com a torcida empurrando, o Palmeiras começou a controlar as ações do jogo. O Santos veio assustar aos 13 minutos, quando Guilherme saiu na cara do gol, mas parou em grande defesa de Weverton. Contudo, o jogo era do Verdão. Após bom lançamento na direita, Rony cruzou e Flaco López escorou para o gol. João Paulo fez boa defesa, mas a bola voltou para o argentino, que empurrou para a meta e fez o segundo do Alviverde.

Quando a partida parecia estar decidida, o Santos voltou para o jogo. Afinal, Otero puxou um contra-ataque, acionou Guilherme que passou para Cazares. O meia não conseguiu finalizar, mas a bola voltou para Otero, que bateu e diminuiu o placar. Com o gol do Peixe, o jogo ganhou tons de tensão. O Alvinegro Praiano começava a se soltar mais para o ataque, enquanto o Palmeiras buscava cadenciar mais o jogo, sem deixar de buscar o terceiro tento. Por fim, o time da Baixada Santista, não teve forças para conseguir o empate e o Alviverde

PALMEIRAS 2X1 SANTOS

Terceira rodada do Campeonato Paulista-2024
Data: 28/01/2024, 18h(de Brasília)
Local: Allianz Parque, São Paulo (SP)
Gols: Raphael Veiga, 03’/2ºT (1-0); Flaco López, 16’/2ºT (2-0); Otero, 23’/2ºT (2-0)
PALMEIRAS: Weverton; Luan, Gustavo Gómez, Murilo e Piquerez; Richard Ríos (Fabinho, 39’/2ºT), Zé Rafael (Richard Ríos, 30’/2ºT) e Raphael Veiga (Gabriel Menino, 39’/2ºT); Mayke (Marcos Rocha, 19’/2ºT), Rony e Flaco López (Jhon Jhon, 19’/2ºT). Técnico: Abel Ferreira
SANTOS: João Paulo; Aderlan, Gil, Joaquim e Kevyson (Felipe Jonatan, 42’/2ºT); João Schmidt Tomás Rincón (Guilherme, intervalo e depois Otero, aos 11/2ºT) e Diego Pituca; Pedrinho (Guilherme, intervalo), Cazares e Willian Bigode (Julio Furch, 33’/2ºT) Técnico: Fábio Carille
Árbitro: Raphael Claus
Assistentes: Anderson Jose de Moraes Coelho e Rafael Tadeu Alves de Souza
VAR: Rodrigo Guarizo Ferreira do Amaral
Cartão Amarelo: Abel Ferreira (PAL); Tomás Rincón (SAN)
Cartão Vermelho: 

Siga o Jogada10 nas redes sociais: TwitterInstagram e Facebook.

Últimas