Logo R7.com
Logo do PlayPlus
R7 Esporte - Notícias sobre Futebol, Vôlei, Fórmula 1 e mais
Publicidade

Vegetti x Júnior Santos: quem será mais decisivo em Vasco x Botafogo?

Enquanto centroavante argentino é a esperança de gols do Cruz-Maltino para se distanciar do Z4, artilheiro do Glorioso vive sua melhor...

Jogada 10

Jogada 10|Do R7


Foto: Leandro Amorim/Vasco

Quando Vasco e Botafogo entrarem em campo às 18h30 deste sábado (29), em São Januário, pela 13ª rodada do Campeonato Brasileiro, Pablo Vegetti e Júnior Santos estarão em lados opostos para um duelo de artilheiros que tem tudo para protagonizar fortes emoções.

Enquanto o centroavante argentino é a esperança de gols do Cruz-Maltino para se distanciar do incômodo Z4, o artilheiro do Glorioso vive sua melhor fase na carreira e é um dos trunfos para o time de General Severiano seguir nas primeiras posições.

Leia maisVasco x Botafogo: onde assistir, escalações e arbitragem

Vegetti é a esperança de gols do Vasco

Publicidade

Vegetti, aliás, terá o apoio do torcedor vascaíno, que já comprou 15 mil ingressos para o clássico. O argentino marcou 12 gols na temporada, quatro deles no Brasileirão. Praticamente um torcedor em campo, o atacante se destaca pela entrega e cobrança aos demais companheiros por um bom desempenho. Recentemente, aliás, ele recebeu a faixa de capitão do técnico interino Rafael Paiva.

O camisa 99 tem a bola aérea como especialidade, embora ultimamente esteja saindo bastante da área para bucar jogo e dificultar a vida dos zagueiros. Assim, quando não balançou a rede, foi participativo atuando como pivô. O gol da virada sobre o São Paulo foi justamente desse modo. Afinal, protegeu a bola e tocou para David, que clareou a jogada a Adson. Na sequência, Estrella fez o gol. Atributos, portanto, não faltam a Vegetti para decidir o Clássico da Amizade.

Publicidade

Júnior Santos vive melhor fase na carreira

Rápido e letal. Assim pode-se definir Júnior Santos, do Botafogo, que, aos 29 anos, vive seu melhor momento na carreira. O atacante alvinegro soma nove gols na Libertadores, enquanto no Brasileirão aparece com três. Na temporada até o momento, marcou 18 vezes.

Publicidade

Contudo, Júnior Santos se destaca pela facilidade do drible em velocidade. Além de ajudar na marcação quando necessário, também pode atuar como ‘9’ quando Tiquinho Soares está ausente. Mas suas melhores atuações ocorrem quando atua de ponta, sua posição de origem.

Assim, ele pode aproveitar a fragilidade defensiva do Vasco e a instabilidade recente de Lucas Piton na marcação. Capacidade para definir jogos é a marca do camisa 11 em 2024.

Sejam em jogadas aéreas ou contra-ataques, o clássico entre Vasco e Botafogo pode ser decisivo em vários meios. Se depender dos atacantes, não faltarão gols na Colina Histórica.

Siga o Jogada10 nas redes sociais: TwitterInstagram e Facebook.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.