Logo R7.com
Logo do PlayPlus
R7 Esporte - Notícias sobre Futebol, Vôlei, Fórmula 1 e mais
Publicidade

Vasco parabeniza ídolo Edmundo, que completa 53 anos

Revelado pelo Cruz-Maltino, jogador é um dos maiores ícones do clube. Venceu o Brasileirão de 1997 sendo artilheiro e recordista

Jogada 10

Jogada 10|Do R7

Foto: Marcelo Sadio/Vasco
Foto: Marcelo Sadio/Vasco Foto: Marcelo Sadio/Vasco (Jogada 10)

O Vasco usou as redes sociais para parabenizar um dos maiores ídolos de sua história: Edmundo. O ‘Animal’ completa 53 nesta terça-feira (2) e recebeu os parabéns do clube que o revelou.

Edmundo conquistou dez troféus em São Januário, sendo dois de maior importância. Ele participou da campanha do título carioca de 1992, que culminaria no último tricampeonato do Vasco, entre 92 e 94.

LEIA MAIS: Vasco lança coleção de camisas dos 100 anos da Resposta Histórica

Posteriormente, foi o melhor jogador do Campeonato Brasileiro de 1997, conquistado pelo próprio Cruz-Maltino. Em um ano espetacular, Edmundo foi o artilheiro, batendo recorde de gols em uma edição – 29 (perdurou até 2003), e o de mais gols num único jogo: seis. Este, aliás, perdura até os dias de hoje.

Publicidade

O título veio após dois empates por 0 a 0 contra o Palmeiras, mas o jogo mais guardado na memória da torcida é na semifinal, contra o Flamengo. Edmundo teve atuação épica, marcando, assim, três vezes na goleada por 4 a 1, com direito a gol de placa, recorde batido e comemoração memorável.

Entre idas e vindas, o Animal ainda atuou no Vasco em outras três oportunidades – foram cinco no total. As já citadas em 1992 e entre 1996-1997. Voltou entre 1999-2000, 2003 e retornou, então, para encerrar a carreira em 2008.

Publicidade

Despedida

Pelo Gigante da Colina foram 135 gols em 243 jogos. Ele só viria a se despedir de forma oficial do futebol quatro anos depois em amistoso contra o Barcelona de Guayaquil-EQU, time que o Vasco derrotou na final da Copa Libertadores de 1998.

O jogador não esteve presente em tal conquista, o que sempre é lembrado pelo ex-craque em entrevistas. Com isso, em março de 2012, o presidente do Vasco à época, Roberto Dinamite, organizou a partida contra o time equatoriano. Com atuação fantástica, e, claro, dois gols de Edmundo, o Cruz-Maltino trucidou os rivais por 9 a 1, em São Januário.

Siga o Jogada10 nas redes sociais: TwitterInstagram e Facebook.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.