Logo R7.com
Logo do PlayPlus
R7 Esporte - Notícias sobre Futebol, Vôlei, Fórmula 1 e mais
Publicidade

Trio entra para lista de brasileiros bicampeões da Champions League

Rodrygo, Vini Jr e Éder Militão entraram para lista de brasileiros que já ergueram o troféu de clubes de mais importante do mundo duas...

Jogada 10

Jogada 10|Do R7

- Foto:: INA FASSBENDER/AFP via Getty Images

Com o título do Real Madrid em mais uma Champions League, o Brasil voltou a ter jogadores no topo do futebol europeu. Assim, o país teve atletas presentes no time vencedor do torneio continental pela 19ª temporada seguida. O último brasileiro que havia levantado a taça, de forma inédita, e aumentado a lista foi Ederson com o Manchester City, na edição anterior.

Dessa forma, a última equipe a levantar a taça sem brasileiros foi o Liverpool da temporada 2004/05, que venceu o Milan de Dida, Cafu, Serginho e Kaká. Desde então, já são 19 temporadas, e o trio (Rodrygo, Vini Jr e Éder Militão) entrou para lista de brasileiros, que já foram bicampeões do torneio.

Os brasileiros com mais títulos de Champions são Casemiro e Marcelo, ex-companheiros de Real Madrid. Juntos, levantaram a taça em 2013/14, 2015/16, 2016/17, 2017/18 e 2021/22.

Publicidade

Nesse sentido, o primeiro título brasileiro aconteceu na quinta edição do torneio, com Canário pelo Real Madrid em 1959/60. Além disso, Dino Sani e Jair da Costa ganharam algumas temporadas depois, antes de uma sequência de 21 anos sem brasileiros no time campeão, o maior jejum.

Em sua segunda final de Champions, Vini Jr atingiu algo que nenhum brasileiro conseguiu na história. Sendo assim, o camisa 7 do Real Madrid é o primeiro jogador nascido no Brasil a fazer gols em duas decisões diferentes do torneio.

Publicidade

Confira a lista completa abaixo (sem naturalizados)

2023/24 – Éder Militão, Vini Jr e Rodrygo (Real Madrid)
2022/23 – Ederson (Manchester City)
2021/22 – Éder Militão, Marcelo, Casemiro, Vini Jr e Rodrygo (Real Madrid)
2020/21 – Thiago Silva (Chelsea)
2019/20 – Philippe Coutinho (Bayern de Munique)
2018/19 – Alisson, Fabinho e Firmino (Liverpool)
2017/18 – Marcelo e Casemiro (Real Madrid)
2016/17 – Danilo, Marcelo e Casemiro (Real Madrid)
2015/16 – Danilo, Marcelo e Casemiro (Real Madrid)
2014/15 – Daniel Alves, Douglas, Adriano, Rafinha Alcântara e Neymar (Barcelona)
2013/14 – Marcelo e Casemiro (Real Madrid)
2012/13 – Rafinha, Dante e Luiz Gustavo (Bayern de Munique)
2011/12 – David Luiz e Ramires (Chelsea)
2010/11 – Daniel Alves, Maxwell e Adriano (Barcelona)
2009/10 – Júlio César, Maicon e Lúcio (Inter de Milão)
2008/09 – Daniel Alves e Sylvinho (Barcelona)
2007/08 – Anderson (Manchester United)
2006/07 – Dida, Cafu, Serginho, Kaká e Ricardo Oliveira (Milan)
2005/06 – Belletti, Edmílson, Sylvinho e Ronaldinho Gaúcho (Barcelona)
2003/04 – Carlos Alberto, Bruno Moraes e Derlei (Porto)
2002/03 – Dida, Roque Júnior, Serginho e Rivaldo (Milan)
2001/02 – Roberto Carlos, Flávio Conceição e Sávio (Real Madrid)
2000/01 – Élber e Paulo Sérgio (Bayern de Munique)
1999/00 – Júlio César, Roberto Carlos e Sávio (Real Madrid)
1997/98 – Roberto Carlos e Sávio (Real Madrid)
1996/97 – Júlio César (Borussia Dortmund)
1986/87 – Celso, Elói, Juary e Casagrande (Porto)
1964/65 – Jair da Costa (Inter de Milão)
1963/64 – Jair da Costa (Inter de Milão)
1962/63 – Dino Sani (Milan)
1959/60 – Canário (Real Madrid)

Siga o Jogada10 nas redes sociais: TwitterInstagram e Facebook.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.