Jogada 10 Thiago Galhardo detona Adilson Batista: ‘Mau-caratismo’

Thiago Galhardo detona Adilson Batista: ‘Mau-caratismo’

Atacante Thiago Galhardo relembrou momentos tensos quando trabalhou com Adilson Batista, na época treinador do Ceará

Jogada 10
Foto: Mateus Lotif/Fortaleza EC

Foto: Mateus Lotif/Fortaleza EC

Jogada 10

O atacante Thiago Galhardo, ex-Ceará e Internacional, revelou que teve problemas graves com Adilson Batista, ex-técnico de Corinthians, Cruzeiro e Vozão. O jogador, aliás, relembrou um problema que teve com o ex-comandante.

Inicialmente, o avante citou que não gostou de ser substituído no intervalo do jogo entre Ceará e Flamengo. Afinal, a partida estava 1 a 0 para o Vozão, com gol dele, e terminou 4 a 1 para o time carioca.

Aliás, segundo o jogador, o meia Ricardinho que era um dos líderes daquele elenco foi o responsável por evitar a briga.

“O jogo entre Ceará e Flamengo, a gente brigando para não cair, 1 a 0, gol meu, e ele me tira no intervalo. Eu era artilheiro do time. Não entendi nada. Depois a gente toma 5 a 1 e eu queria matar ele. Ricardinho me segurou”, disse em entrevista ao Lance.

“Mau-caratismo”, dispara Thiago Galhardo.

Após a derrota para o Flamengo, Batista foi demitido. No entanto, ficou poucas horas desempregado, afinal, assumiu o comando técnico do Cruzeiro. Galhardo não gostou da atitude.

“Na madrugada ele é mandado embora e assume o Cruzeiro no dia seguinte. O Cruzeiro brigava com a gente contra o rebaixamento. Acho que isso foi mau-caratismo. Não era ele que mandava nos treinos dele também. Era o auxiliar”, finalizou.

Todavia, o Ceará escapou do rebaixamento naquele ano. O Cruzeiro, aliás, caiu para a segunda divisão com Adilson Batista.

Siga o Jogada10 nas redes sociais: TwitterInstagram e Facebook

Últimas