Logo R7.com
Logo do PlayPlus
R7 Esporte - Notícias sobre Futebol, Vôlei, Fórmula 1 e mais
Publicidade

Teixeira concede coletiva de 100 dias de gestão e confirma fim do transfer ban

Presidente do Santos anunciou fim da punição da Fifa, falou sobre as finanças do clube e possíveis reforços para a disputa da Série...

Jogada 10

Jogada 10|Do R7

Foto : Pedro Ernesto Guerra Azevedo/Santos FC (GUILHERME GREGHI)

O presidente do Santos, Marcelo Teixeira, concedeu entrevista coletiva nesta quarta-feira (17) para falar sobre os 100 dias de sua gestão no clube. O mandatário respondeu diversas perguntas sobre o presente e o futuro do clube e aproveitou para fazer um anúncio importante.

Afinal, Marcelo Teixeira confirmou que o transfer ban recebido pelo Santos por conta de uma dívida com o Krasnodar, da Rússia, está encerrado. Os russos cobravam uma quantia de R$ 20 milhões da compra do meia Cueva, mas o Peixe conseguiu chegar em um acordo e está livre para anunciar novas contratações.

“O transfer ban foi encerrado. Havia um déficit passivo de 2023. Estamos relacionando apenas em relação ao exercício de 2023. Tínhamos aquele número de R$ 78 milhões, pagamos R$ 58 milhões e temos um saldo a pagar de R$ 20 milhões. Isso é apenas de 2023. A gestão está pagando outros valores, não apenas de 2023. Há acordos dos mais diversos tipos para honrarmos, e o Santos está pagando”, disse Marcelo Teixeira.

Publicidade

O dirigente também divulgou que a folha salarial do departamento de futebol masculino é de R$ 11, 5 milhões e disse que pagou R$ 58 milhões em dívidas. Sem a punição da Fifa, o Santos fica liberado para registrar novos contratados, o que precisa acontecer até a próxima sexta-feira, para respeitar o fechamento da janela provisória da CBF.

“O Santos não optou em manter a excelência de seus profissionais. Mantivemos a estrutura administrativa em busca de resultados. Isso demonstra que não estamos fazendo ações por questões políticas, e sim por méritos e envolvendo profissionais que estejam envolvidos com o clube”, falou o mandatário.

Publicidade

Marcelo Teixeira atualiza situação do Santos sobre reforços

Assim, sem o transfer ban para impedir novas contratações, o presidente do Peixe atualizou a situação dos possíveis reforços do clube. O mandatário confirmou a negociação com o Fortaleza envolvendo os laterais-esquerdos Felipe Jonatan e Escobar. Além disso, afirmou que Patrick chegará por empréstimo e ainda está tentando um acordo com a Portuguesa para a contratação do atacante Maceió.

Publicidade

“Fizemos uma troca junto com o Fortaleza pelo Felipe Jonatan . Ele esteve cinco anos no Santos, ainda temos 50% dos direitos dele. O Santos não abrirá mão de seu patrimônio. A continuidade dele aqui eu, particularmente, tinha a vontade pessoal pela permanência. Parte da torcida pedia a saída do jogador, nós mantivemos, e ele foi útil e importante no Campeonato Paulista. Mas há prazo de ciclo, e precisamos entender isso”, disse Marcelo Teixeira, que seguiu:

“(Patrick) É um empréstimo até o fim do ano com valor de compra fixado em US$ 1 milhão. Pagaremos em 12 parcelas, o que dá aproximadamente R$ 450 mil/mês. A questão financeira envolvendo aquisição e salários está compatível com um atleta desse nível. Com relação ao Maceió, os entendimentos estão feitos, porém, há uma dificuldade da liberação. A Portuguesa quer manter o jogador e está tendo um certo problema relacionado à permanência do jogador”, completou.

Presidente banca João Paulo no Santos

Por fim, o mandatário garantiu a permanência do goleiro João Paulo e disse que não existe a intenção de contratar um novo arqueiro. Teixeira também afirmou que o Santos está bem servido na posição, com o titular e Gabriel Brazão, que é o atual reserva.

“O João Paulo é um atleta de história, vindo das divisões de base. Um líder, deve ser respeitado. Temos excelentes opções na posição, como o Brazão. Temos os meninos da base, que são promissores. O Santos está muito bem servido na posição de goleiro. O Carille pode optar por quem ele quiser. O Santos não vai ao mercado em busca de uma reposição na posição de goleiro”, finalizou.

Recentemente, o nome de Rafael Cabral voltou a ser especulado no Santos, mas o goleiro foi rejeitado, muito por conta da má fase vivida no Cruzeiro.

Siga o Jogada10 nas redes sociais: TwitterInstagram e Facebook.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.