Logo R7.com
Logo do PlayPlus
R7 Esporte - Notícias sobre Futebol, Vôlei, Fórmula 1 e mais
Publicidade

Sul-Americana: Nas penalidades, LDU elimina o Ñublense e entra no caminho do São Paulo

LDU, um dos gigantes do futebol equatoriano, terá pela frente os brasileiros pelas quarta de final do torneio continental

Jogada 10

Jogada 10|Do R7


Jogada10
Sul-Americana: Nas penalidades, LDU elimina o Ñublense e entra no caminho do São Paulo

*Por Danilo Di Grado

No confronto de volta pelas oitavas de final da CONMEBOL Sul-Americana, não faltou emoção entre LDU e Ñublense, na noite desta quinta-feira (10), no estádio Casa Blanca. Com ambos os times mostrando disposição desde os primeiros movimentos, a partida ganhou ares dramáticos com a vitória no fim para os chilenos, com direito a um gol nos acréscimos de Manuel Rivera, fechando a conta em 3 a 2, fazendo com que o agregado terminasse em 3 a 3. Com a igualdade, a decisão foi para as penalidades, onde os equatorianos levaram a melhor por 4 a 3, garantindo sua vaga na próxima fase tendo pelo frente o São Paulo, que eliminou o San Lorenzo.

Primeiro tempo

Fazendo valer o mando de campo, a equipe da LDU iniciou o duelo tomando a iniciativa. Porém, apesar de ditar o ritmo até meados dos 15 minutos, acabou não tendo êxito em jogadas aéreas, fazendo com que o Ñublense segurasse o empate parcial.

Publicidade

INDICADAS PARA VOCÊ:

Libertadores: De forma histórica, Racing elimina o Atlético Nacional

Publicidade

James Rodríguez deve estrear contra o Flamengo, diz Dorival

Mas a insistência por parte dos equatorianos surtiu efeito. Um pouco mais tarde, aos 26 minutos, finalmente conseguiu tirar o zero do marcador, em jogada iniciada por Leonel Quiñonez que, após fazer um cruzamento pelo lado esquerdo, viu Jhojan Julio cabecear sem marcação com a bola tocando na trave antes de entrar.

Publicidade

Com a vantagem no agregado ampliada, os chilenos tentaram não se abater. Sendo assim, momentos depois, aos 31 minutos, o árbitro da partida, Yael Falcón Pérez em um lance envolvendo Domínguez e Rebolledo marcando pênalti na sequência, dando amarelo ao goleiro do time da casa. Na cobrança, Patricio Rubio bateu de um lado, enquanto o arqueiro acabou caindo do outro, empatando tudo em Quito.

Segundo tempo

Com a bola rolando para a etapa complementar, o confronto mostrava-se um pouco mais equilibrado com o Ñublense conseguindo aparecer em seu campo de ataque, enquanto a LDU respondia na mesma moeda, isso tudo até meados dos 10 minutos.

Vendo o relógio correr, o técnico do time visitante resolveu então promover algumas trocas. E surtiu efeito. Pouco tempo depois, aos 16, em um passe enfiado na área de Juan Leiva, Patricio Rubio acabou errando o domínio, com Richard Mina chutando sem chances para o Domínguez, virando o placar para 2 a 1.

Ganhando contornos de emoção, o jogo passou a ficar aberto para os dois lados, com o treinador dos Albos optando por algumas trocas, tentando levar a classificação no tempo normal. Sendo assim, iniciou-se uma verdadeira blitz na área dos Diablos Rojos, com direito a bola explodindo na trave como na cabeçada de Paolo Guerrero. Até que aos 46 minutos, Sebatían González, após cruzamento de José Quinteros, finalizou no ângulo do goleiro rival empatando a partida novamente.

Mas o inacreditável aconteceu dois minutos depois. Aos 48 minutos, os chilenos foram para o campo de ataque e, de forma heroica, encontraram o gol que levou o duelo para as penalidades, aumentando o drama em Quito. Nas cobranças, os equatorianos acabaram mostrando melhor pontaria e venceram por 4 a 3, garantindo a vaga na próxima fase do torneio continental.

Siga o Jogada10 nas redes sociais: Twitter, Instagram e Facebook.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.