Logo R7.com
Logo do PlayPlus
R7 Esporte - Notícias sobre Futebol, Vôlei, Fórmula 1 e mais
Publicidade

Penalidade Máxima: STJD suspende mais sete jogadores por suspeita de manipulação

Atletas, alvos da nova fase da investigação, ficam suspensos por 30 dias

Jogada 10

Jogada 10|Do R7


Alef Manga permanece suspenso
Alef Manga permanece suspenso

O STJD, por meio de seu vice-presidente, Felipe Bevilacqua, determinou a suspensão preventiva por 30 dias de mais sete jogadores por suspeita de manipulação no futebol.

Os atletas são alvos da nova fase da investigação Penalidade Máxima, do Ministério Público de Goiás. Entre eles está o atacante Alef Manga, ex- jogador do Coritiba negociado com o futebol do Chipre.

Em razão de José Perdiz, presidente do STJD (Superior Tribunal de Justiça Desportiva), estar em viagem à Austrália para acompanhar a Copa do Mundo feminina, Bevilacqua exerce o cargo temporariamente. Aliás, vale destacar que a presença de Perdiz na competição foi um convite da CBF.

Jogadores suspensos preventivamente pelo STJD

• Alef Manga, ex-Coritiba, negociado com o futebol do Chipre;

Publicidade

• Dadá Belmonte, América-MG;

• Igor Carius, Sport;

Publicidade

• Jesus Trindade, ex-Coritiba;

• Pedrinho, ex-Athletico, que se transferiu para o Shakthar;

Publicidade

• Sidcley, ex-Cuiabá, agora no Dínamo Kiev;

• Thonny Anderson, ex-Coritiba, do Bragantino, que estava emprestado ao ABC.

Aliás, recentemente, o STJD convocou dez atletas a se apresentar. Afinal, eles serão ouvidos, no dia 8 de agosto, em referência à segunda fase da operação do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado do Ministério Público de Goiás, em parceria com o tribunal esportivo.

Assim, os jogadores são: Nino Paraíba, do Paysandu (ex-Ceará); Pedrinho (ex-Athletico-PR), do Shakhtar; Richard (ex-Ceará), hoje no Alanyaspor; Nathan, ex-jogador do Avaí; Manga, do Coritiba; Porfírio, ex-Coritiba, hoje no Desportivo Aliança (AL); Bryan Garcia (ex-Athletico), hoje no Independiente Del Valle; Belmonte, do América, que era do Goiás; e Nathan, ex-jogador do Fluminense e hoje no Grêmio.

Siga o Jogada10 nas redes sociais: Twitter, Instagram e Facebook.

Quais jogadores já foram afastados por clubes após investigação sobre manipulação

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.