Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Publicidade

STJD exige provas de Textor e vai abrir inquérito; Abrafut rebate dirigente

Sem filtro, proprietário do Botafogo faz grave denúncia contra arbitragem do futebol brasileiro

Jogada 10|

Foto: Vítor Silva/Botafogo
Foto: Vítor Silva/Botafogo Foto: Vítor Silva/Botafogo (Jogada 10)

As denúncias graves de John Textor contra a arbitragem brasileira caíram como uma bomba nesta sexta-feira (8). O Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) promete, diante do quadro, abrir um inquérito para averiguar as acusações do dono da SAD do Botafogo. O tribunal, aliás, exige do dirigente provas concretas de suas alegações. A informação é do site “ge”.

Textor, na ocasião, assegurou ter gravações de árbitros reclamando que não receberam propinas e prometeu desvendar a fraude em 30 dias. O STJD quer, então, estes registros para dar andamento ao processo de investigação. O bilionário norte-americano fala em “evidências e documentação por meio de processos oficiais.

Curiosamente, o mesmo STJD arquivou uma denúncia do Botafogo, sobre o mesmo tema, em dezembro do ano passado, durante a reta final do Campeonato Brasileiro.

Abrafut, sobre Textor: ‘Inadmissível desonrar a idoneidade da categoria’

Quem não gostou das insinuações de Textor foi a Abrafut (Associação de Árbitros de Futebol do Brasil). O grupo rebateu o proprietário do futebol do Botafogo e avisou que “vai tomar medidas cabíveis”.

Publicidade

“O teor das acusações é muito sério, pois ofende a honra de toda uma classe de trabalhadores que está em seu campo de atuação, exercendo a função com honestidade e transparência. É inadmissível que uma pessoa com tanta visibilidade e responsabilidade social, ocupando um cargo que deveria ter seu reconhecimento pelo respeito, venha a público difamar, desonrar e colocar em descrédito a idoneidade de toda categoria. A Abrafut está tomando medidas cabíveis junto ao seu corpo jurídico, para que sejam tomadas as devidas providências nesse caso, iniciando pela esfera desportiva, onde será apresentado o devido requerimento para que seja instaurado o inquérito, objetivando que todas as provas existentes sejam demonstradas e colhidas em urgência”, diz o comunicado da associação.

Siga o Jogada10 nas redes sociais: TwitterInstagram e Facebook.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.