Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Publicidade

Sampaoli lamenta empate com América-MG e fala em ‘jogo caótico’ do Flamengo

Rubro-Negro faz segundo tempo ruim e lance de bola parada nos acréscimos evita derrota em casa

Jogada 10|

Jogada10
Jogada10 Jogada10

O jogo apático do Flamengo no empate em 1 a 1 contra o América-MG, neste sábado (22), no Maracanã, foi lamentado pelo técnico Jorge Sampaoli duranta a entrevista coletiva após a partida. Na visão do argentino, a partida dos rubro-negros foi “caótica” e sua equipe não se sentiu cômoda dentro de campo.

“Acho que o jogo foi bastante caótico, principalmente no segundo tempo. O time acelerou muito nas jogadas, não entendeu os tempos de ataque, contra o rival que marcava individualmente. Creio que nesse tipo de partida não se sente cômodo”, disse o treinador.

Dessa maneira, Sampaoli ressaltou a atuação ruim de sua equipe e disse que o Flamengo não teve paciência para trabalhar a bola diante de um adversário que começou a rodada na lanterna do Brasileirão.

“A dificuldade é coletiva. É quando é coletiva, tem que ver com a condução. Temos que ter paciência para trabalhar a bola em campo, trocar muitos passes no campo rival e saber atacar no momento certo. O rival percebeu essa forma de ataque contínuo. Sabia que em algum momento poderia ganhar. Acabamos empatando na última jogada, mas poderíamos ter perdido o jogo tranquilamente. Teremos que conscientizar o time que tem que defender. A característica do time é jogar e ficar mais tempo com a bola. Hoje, quando não prevaleceu o primeiro ataque, a equipe estava muito distante. Tivemos algumas situações para ganhar o jogo. Mas a realidade é que o time não compreendeu o jogo”, explicou.

Publicidade

Assim, o Flamengo vira a chave e volta a campo na próxima quarta-feira (26), quando enfrenta o Grêmio pelo jogo de ida da semifinal da Copa do Brasil.

Siga o Jogada10 nas redes sociais: Twitter, Instagram e Facebook.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.