Logo R7.com
Logo do PlayPlus
R7 Esporte - Notícias sobre Futebol, Vôlei, Fórmula 1 e mais
Publicidade

Rossi reclama do gramado em derrota do Flamengo: ‘Jogo pesado’

Apesar da derrota, o goleiro brilhou na noite da última quarta-feira e foi destaque do Rubro-Negro em virada do Juventude

Jogada 10

Jogada 10|Do R7


Foto: Marcelo Cortes/CRF

Há uma série de elementos capazes de justificar a derrota do Flamengo para o Juventude, mas o resultado também pode ser resumido em uma palavra: desgaste. Para o goleiro Rossi, no entanto, a adversidade vai além e conta com interferência direta das condições do gramado. Cabe pontuar que o argentino esteve em evidência no revés por 2 a 1, na noite da última quarta-feira (26), e fez uma das melhores atuações desde sua chegada ao clube.

“Acho que o jogo foi um pouco pesado para nós pelo campo, o gramado estava um pouco alto também. Isso impediu um pouco o nosso jogo rápido, com bolas mais rápidas”, avaliou o goleiro argentino momentos após a derrota.

Rossi entrou de vez nos holofotes da torcida do Flamengo após o desempenho quase infalível na derrota para o Juventude, no impiedoso estádio Alfredo Jaconi. O goleiro, que completa um ano de clube no dia 01º de julho, viveu a melhor noite à frente da meta rubro-negra e evitou que a derrota fosse ainda maior.

Desempenho de Rossi

Publicidade

O goleiro fez pelo menos quatro defesas difíceis na partida e, inclusive, dividiu protagonismo com o companheiro de posição Mateus Claus – do Juventude. O primeiro grande momento de Rossi ocorreu aos 32 minutos da etapa inicial, quando defendeu – no ângulo – a cabeçada de Danilo Boza, após cobrança de falta de Nenê.

Rossi soube que seria ainda mais exigido no segundo tempo logo aos quatro minutos, quando pegou outra cabeçada. Essa, porém, foi praticamente à queima-roupa e em cima da linha. O goleiro também impediu que Gilberto virasse para o Juventude aos 30′.

Publicidade

Apesar dos destaques já mencionados, a defesa mais impressionante de Rossi ocorreu quase aos 85′ de partida – pouco antes do gol de virada. Lucas Barbosa invadiu a área, teve tempo de desviar o cruzamento em direção ao gol, mas o goleiro rubro-negro conseguiu deslocar com a mão esquerda para escanteio.

Rossi mira em volta por cima

A derrota para o Juventude não teve interferência na tabela de classificação e já tem que estar no passado do Flamengo. Para Rossi, inclusive, a equipe tem capacidade de mudar a mentalidade para virar a chave no próximo domingo (30), contra o Cruzeiro, às 18h30, no Maracanã.

“Agora é olhar para frente e pensar no jogo de domingo. Mas a gente tem essa sorte de ter um jogo rápido, então aí já para mudar o chip da cabeça para pensar no domingo”, concluiu.

Siga o Jogada10 nas redes sociais: TwitterInstagram e Facebook.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.