Logo R7.com
Logo do PlayPlus
R7 Esporte - Notícias sobre Futebol, Vôlei, Fórmula 1 e mais
Publicidade

Raphinha fala sobre as declarações de Ronaldinho: ‘Caiu como uma bomba’

Segundo o atacante, jogadores da seleção não acreditaram que Gaúcho tenha falado seriamente

Jogada 10

Jogada 10|Do R7


Reprodução / Youtube CBFTV

Raphinha, atacante da Seleção Brasileira, disse na coletiva deste sábado (15) que as declarações de Ronaldinho Gaúcho criticando a Seleção Brasileira, caiu como uma bomba no grupo. A ponto de ele e os jogadores concentrados para a Copa América não acreditarem que o ídolo brasileiro, pentacampeão em 2002, tenha falado seriamente.

Leia mais

”Foi uma surpresa para mim e para o grupo. Mas vocês da imprensa, mais do que eu, sabe que o Ronaldinho nunca deu uma declaração dessas. Enfim, foi um baque pra gente e eu não concordo com o que ele disse. Eu e o grupo. A gente vê entrega e vontade e não concordo em não ter garra ou vontade e jogadores medianos. Discordo completamente. Afinal, todos aqui têm qualidade e méritos”.

A declaração de Ronaldinho

Na sexta-feira, Ronaldinho disse numa entrevista que estava largando a Seleção de mão. Em seguida, também postou em suas redes esta declaração abaixo, poupando apenas Vini Jr, que ele considera o melhor do mundo:

“É isso aí, galera. Para mim, já deu. Esse é um momento triste para quem gosta do futebol brasileiro. Fica difícil encontrar ânimo para ver os jogos. Esse é talvez um dos piores times dos últimos anos, não tem líderes de respeito, só jogadores medianos em sua maioria. Acompanho futebol desde criancinha, muito antes de pensar em me tornar jogador, e eu nunca vi uma situação tão ruim como essa. Falta amor à camisa, falta garra, e o mais importante de tudo: futebol”

Publicidade

Raphinha mais uma vez disse não acreditar que R10 foi sincero. Tudo pode não ter passado de uma brincadeira ou uma campanha publicitária. Além disso, lembrou que recentemente Ronaldinho fez um pedido que vai totalmente contra a sua declaração.

“Pode ser uma campanha ou não. Mas nos surpreendeu pela fala dele. Contudo, a assessoria da CBF me disse que ele até pediu ingresso para ver o nosso jogo na Copa América (NR: o Brasil estreia dia 24, contra a Costa Rica). Um pedido desses não bate com o que ele falou”.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.