Logo R7.com
Logo do PlayPlus
R7 Esporte - Notícias sobre Futebol, Vôlei, Fórmula 1 e mais
Publicidade

Rafael tem novo recomeço no Botafogo após sequência de lesões

Desde que chegou ao Glorioso, no segundo semestre de 2021, lateral-direito já passou por três operações. Neste domingo, ele volta a...

Jogada 10

Jogada 10|Do R7

Foto: Vitor Silva/Botafogo
Foto: Vitor Silva/Botafogo Foto: Vitor Silva/Botafogo (Jogada 10)

Agora, vai? O lateral-direito Rafael está, enfim, de volta ao Botafogo. Relacionado para enfrentar o Sampaio Corrêa, pelo jogo de volta da semifinal da Taça Rio, o defensor volta a figurar na equipe alvinegra após oito meses. Afinal, ele teve uma grave lesão no tendão patelar do joelho esquerdo e precisou passar por uma cirurgia para reconstruir o local.

Como Fábio Matias deve usar um time reserva, a chance de Rafael começar como titular é grande. Na última vez em que o jogador entrou em campo, o Botafogo venceu o Vasco por 2 a 0, no Nilton Santos, em julho, pelo Brasileirão do ano passado. Na ocasião, aliás, o Glorioso disparou na liderança da competição.

Agora, o veterano de 33 anos quer olhar para frente e aproveitar a oportunidade em seu clube do coração. Ex-Manchester United, Fluminense e Lyon, ele nunca escondeu que é um inveterado botafoguense.

“Quero agradecer a Deus e à minha família por ter estado comigo nesse momento difícil, também nunca vou esquecer a ajuda de todos do clube. Fisios, médicos, psicólogo, nutricionista e funcionários, obrigado pelo carinho e atenção. Muito obrigado também a todos os torcedores que mantiveram seu apoio”, escreveu Rafael.

Publicidade

As outras lesões de Rafael

Esta é a terceira lesão grave que Rafael supera desde que chegou ao Botafogo, na metade de 2021. No início de 2022, em janeiro, no Carioca, ele sofreu uma ruptura no tendão de Aquiles do pé esquerdo. Na ocasião, o defensor parou por sete meses e também teve de passar por uma operação.

Em setembro do mesmo ano, pelo returno do Campeonato Brasileiro, Rafael teve um trauma craniofacial. Nova cirurgia antes do retorno. Desta vez, porém, ficou 100% um mês depois da contusão. Quem sabe se a maré de azar não tenha chegado ao fim?

Siga o Jogada10 nas redes sociais: TwitterInstagram e Facebook.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.