Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Publicidade

Porto, quase em ritmo de treino, bate Portimonense fora de casa

Portistas não tiveram dificuldade para vencerem 3 a 0, em Portimão mantendo o 3º lugar no Português e já mirando jogo da Champions...

Jogada 10|

Foto: Divulgação / Porto
Foto: Divulgação / Porto Foto: Divulgação / Porto (Jogada 10)

No jogo que abriu a 25ª rodada do Campeonato Português, nesta sexta-feira (8/3) o Porto foi até Portimão enfrentar o Portimonense. E diante de 3.811 torcedores no acanhado Estádio Municipal (4.950 lugares), venceu por 3 a 0. Os gols foram de Nico González, Galeno e Pepê. Assim, o time portista foi aos 55 pontos, ratificando o terceiro lugar na tabela. Está atrás de Sporting (59 pontos, e menos dois jogos) e Benfica (58 pontos e menos um jogo). Esta posição deixa o Pòrto com vaga apenas à Liga Europa, já que somente o G2 garante vaga à Champions. O Portimonense, com 23 pontos e em 14º lugar, corre risco de terminar a rodada na zona de rebaixamento.

O jogo do Porto foi antecipado para esta sexta-feira para dar mais tempo de descanso para o jogo de volta das oitavas da Champions. Este duelo será na próxima terça-feira, contra o Arsenal, em Londres (na ida, Porto 1 a 0).

Veja aqui a tabela de classificação do Campeonato Português

Porto vence sem sustos

Os portistas foram amplamente superiores ao rival e logo aos seis minutos abriu o placar. Numa falha generalizada de três defensores do Portimonense, que não sabiam o que fazer diante da marcação e se complicaram na troca de passes. Assim, a bola acabou ficando para Nico González, dentro da área. O chute foi certeiro. O apoiador espanhol celebrou, assim, seu primeiro gol com a camisa portista.

Publicidade

O Porto seguiu administrando bem o jogo, com muita estabilidade e troca de passes, sempre com posse de bola acima dos 65% e não deixando o rival finalizar (no jogo, foram 19 chutes a gol contra quatro do time da casa). Dessa forma, não foi surpresa alguma sair mais gols. O segundo até que demorou: aos 14 do segundo tempo, num belo chute de fora da área de Galeno. Aos 32, o ex-gremista Pepê deixou o dele. Com 3 a 0 e um rival quase inofensivo, o Porto deixou o tempo passar, descansando para o duelo decisivo contra os ingleses do Arsenal na Champions.

Siga o Jogada10 nas redes sociais: TwitterInstagram e Facebook.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.