Logo R7.com
Logo do PlayPlus
R7 Esporte - Notícias sobre Futebol, Vôlei, Fórmula 1 e mais
Publicidade

Pia analisa postura da Jamaica e destaca união do Brasil: ‘É tudo’

Pia concede entrevista coletiva para imprensa nesta terça-feira (1) e afirma que as jogadoras do Brasil evoluíram muito nos últimos...

Jogada 10

Jogada 10|Do R7

Jogada10
Jogada10 Jogada10

Pia terá mais um desafio pela frente no comando da Seleção Brasileira. A treinadora, inclusive, se preparou bem para partida entre Jamaica e Brasil. A treinadora, afinal, conhece as principais características da adversária.

“Vamos rever o que vamos fazer, mas é um bom time. Batalharam contra a França para conquistar um ponto. É um time físico, muito rápido, então é uma coisa que precisamos nos atentar contra a Jamaica”, afirmou Pia em entrevista coletiva para imprensa.

União do Brasil

A treinadora, aliás, também fez questão de reforçar que as jogadoras brasileiras estão muito unidas nesta Copa do Mundo. A sueca, assim, espera que esta união entre em campo na rodada decisiva da Copa do Mundo.

“No dia após a derrota contra a França, entramos todas em uma montanha-russa de emoções, mas deixamos isso para trás. Agora, é o tempo e a chance para preparar para o próximo jogo. ‘Juntas’ é uma palavra, temos que ter ações por trás das palavras. Eu pergunto isso a elas, o que significa essa palavra para cada uma. Isso é tudo. Sobre essas ações, espero que a gente as faça amanhã”, afirmou Pia.

Publicidade

Andressa Alves projeta jogo contra Jamaica: ‘Brasil é favorito’

Evolução com Pia

A treinadora, por fim, ressaltou que as jogadoras do Brasil evoluíram muito nos últimos anos. A sueca, aliás, se tornou comandante da Seleção Brasileira em 2019.

Publicidade

“Eu tenho a experiência de quatro anos. Quero acreditar que fizemos diferença e mudanças em quatro anos, e é só o início. Eu lembro do primeiro jogo que vi de clubes, do Internacional, e comparo ao último que vi do Corinthians, na final. Não só a diferença de público, mas de atitude. Quero acreditar que essas mudanças foram feitas. Quando olho para a Seleção, vejo mudanças no estilo de defender. Você pode vencer um jogo e você pode controlar um jogo defendendo bem. Você não precisa ter 60% de posse de bola para vencer um jogo, um bom exemplo disso é o Japão, mas esse não é o estilo do Brasil. A personalidade do ataque virá com uma defesa sólida. Acho que essa foi a principal mudança na Seleção”, finalizou Pia.

Jamaica e Brasil, aliás, se enfrentam nesta quarta-feira (2), às 7h (Horário de Brasília), pela terceira rodada da fase de grupos da Copa do Mundo. A Seleção Brasileira, portanto, vai em busca da vitória para avançar no Mundial.

Siga o Jogada10 nas redes sociais: Twitter, Instagram e Facebook.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.