Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Publicidade

Pato revela mágoa com Tite na época do Corinthians e dispara: ‘Ele errou’

Atacante de 34 anos relembra pênalti que custou a classificação do Corinthians na Copa do Brasil de 2013 e diz que não perdeu 'de sacanagem...

Jogada 10|

Foto: Daniel Augusto Jr/Agência Corinthians
Foto: Daniel Augusto Jr/Agência Corinthians Foto: Daniel Augusto Jr/Agência Corinthians (Jogada 10)

Ainda sem clube desde que saiu do São Paulo no fim da última temporada, Alexandre Pato relembrou momentos desfavoráveis ao longo de sua trajetória profissional. Entre eles, a passagem pelo Corinthians em 2013 e o pênalti desperdiçado em cavada que custou a classificação alvinegra diante do Grêmio na Copa do Brasil.

Nesta quinta-feira (29/2), o atacante comentou sobre a polêmica cobrança em tentativa de se eximir de culpa.

“O Corinthians me deu tudo o que eu precisava. E entreguei tudo o que precisava, até o pênalti. Na segunda, terça e quarta treinei assim. Eu falava para o Cássio, Danilo e Walter que iria bater assim. Sabia que o Dida é grande, vai se esticar, mas a bola vai passar. Na hora que vai indo, no campo, não queria que chegasse nos pênaltis, na hora que pego na bola pensei em fazer aquilo que treinei. Se trocar aqui, poderia dar ruim”, disse, em entrevista ao podcast Flow Sport Club.

“Na hora que vou cavar eu erro a força, a bola sai fraca. Ele foi, mas não foi e dava tempo de voltar e ficar em pé. A minha cavada foi errada. Sei que a minha decisão causou muita tristeza e revolta, mas uma coisa que falo de coração é que nunca foi sacanagem”, acrescentou.

Publicidade

Pato nega versão de ex-companheiro de clube

Pato negou uma das muitas versões sobre aquele episódio. Na ocasião, o ex-meia Douglas afirmou que o então camisa 7 do Timão quase foi agredido no vestiário após perder o pênalti.

“Quando chego, está todo mundo triste e vou para o meu lado. Começo a chorar, a ficar triste por ter perdido. Não estava vendo a consequência do que estavam falando fora, irresponsável, que errou, não estava prestando atenção nisso. Estava com o peso de ter errado. Mas não teve movimento (de agressão), estavam cada um em seus grupos e se eles falaram entre eles, nunca aconteceu algo de vir e querer bater ou de segurar. Cada um fala o que quer e as verdades que sabem”, explicou.

Publicidade

Contudo, o atacante revelou ainda ter mágoa com Tite. Segundo ele, o técnico falhou em uma de suas promessas.

“Admiro o Tite, que é um baita treinador e ser humano. Depois errou sobre esse assunto. Lá na hora ele disse que tudo que ia ser falado, ficaria lá. Ele começou a me xingar, chamar de irresponsável, e ele é o treinador, abaixei a cabeça. Ele tem razão. Errei, fiz, pode falar”, mencionou.

Publicidade

“Mas passaram anos e ele escreveu no livro dele uma coisa que ele falou que não ia falar. Se ele fala que não falaria, por que colocou no livro? É justo uma cobrança, criou um clima no Corinthians, um mal-estar no grupo”, concluiu Pato.

Siga o Jogada10 nas redes sociais: TwitterInstagram e Facebook.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.