Na Copinha, Flamengo vence na Hora H

Colunista do Jogada10, Roberto Assaf analisa a vitória do Flamengo sobre o Botafogo-SP que colocou o time nas quartas de final da Copinha...

Jogada 10

O Flamengo não repetiu as duas atuações anteriores. Mas venceu o Botafogo de Ribeirão Preto por 2 a 1, em jogo decidido nos acréscimos, quando saíram os dois últimos gols do confronto. O clube carioca agora vai enfrentar o Aster, de Itaquaquecetuba, que eliminou o Guaratingueta, nos pênaltis. Será na sexta-feira, 19.

O Botafogo começou batendo muito. Queria ganhar pela força, até que Carlos Eduardo levou cartão amarelo, aos 10 minutos, e o próprio técnico, Ricardo Quandt, resolveu substituí-lo. Aos 17, Wallace Yan cruzou da esquerda e Daniel Rogério entrou como um raio para abrir o placar. Em desvantagem, o time paulista desistiu da pancadaria e preferiu jogar bola, equilibrando o jogo, pois o Flamengo, até ali, era melhor. O Flamengo recuou, apostando em contra-ataques, e o Botafogo criou pelo menos duas boas chances para empatar, mas não conseguiu fazê-lo.

A partida continuou disputada, agora sem a violência do princípio, e se a equipe do interior andou esbarrando no adversário, a carioca também não acertou as saídas em velocidade, o que manteve a vitória parcial do Rubro-Negro até o intervalo.

Flamengo no segundo tempo

O Flamengo recuou por completo na etapa derradeira, deixando a bola com o Botafogo, que batalhou até igualar, aos 91 minutos, em chute de Thalles, de fora da área, à direita de Lucas Furtado. Curiosamente, o time carioca, que havia praticamente renunciado ao jogo, resolveu voltar ao ataque, e conseguiu marcar o segundo gol, aos 96, com Felipe Lima, com arremesso firme, além do alcance de Brenno. A impressão que se teve é a de que as vitórias anteriores subiram à cabeça dos meninos. Mas é fato que o time superou, aos trancos e barrancos, e de forma surpreendente, mais uma fase.

Foto: Reprodução/CazeTV

Foto: Reprodução/CazeTV

Jogada 10

Siga o Jogada10 nas redes sociais: TwitterInstagram e Facebook.

Últimas