Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Publicidade

MP da Espanha entra com recurso contra liberdade provisória de Daniel Alves

Brasileiro conseguiu liberação mediante pagamento de fiança, mas ainda segue detido. Argumentação do MP é sobre risco de fuga da Espanha...

Jogada 10|

Foto: Alberto Estevez/POOL/AFP via Getty Images
Foto: Alberto Estevez/POOL/AFP via Getty Images Foto: Alberto Estevez/POOL/AFP via Getty Images (Jogada 10)

O Ministério Público (MP) da Espanha entrou com uma ação para impedir a liberdade provisória de Daniel Alves. Condenado por estupro, o jogador deixaria a cadeia na última sexta-feira, mediante pagamento de fiança de 1 milhão de euros (cerca de R$ 5,4 milhões).

A saída de Daniel Alves, contudo, não aconteceu. A defesa do atleta não fez o pagamento até o prazo determinado, e o jogador continuou na prisão. A liberdade estava prevista para segunda-feira, mas neste momento é incerta.

O argumento dos promotores do MP é de que existe o risco de fuga de Daniel Alves. Caso deixe a prisão, ele terá de entregar seus dois passaportes, o brasileiro e o espanhol, além de se apresentar à Justiça semanalmente. O Ministério Público, porém, entende que o ídolo do Barcelona pode tentar a fuga assim mesmo.

Daniel Alves foi condenado a quatro anos e seis meses por estupro a uma jovem numa boate, no fim de 2022, em Barcelona. O julgamento aconteceu no início de fevereiro deste ano e durou três dias. A decisão, contudo, foi passível de recurso.

Siga o Jogada10 nas redes sociais: TwitterInstagram e Facebook.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.