Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Publicidade

MLS tem grandes chances de ser iniciada com árbitros substitutos

Desacordo entre representantes de donos do apito não tem previsão de solução no curto prazo

Jogada 10|

Foto: Divulgação
Foto: Divulgação Foto: Divulgação (Jogada 10)

Por desacordo entre dois sindicatos de árbitros dos Estados Unidos, a temporada 2024 da Major League Soccer (MLS) deve ser iniciada com árbitros considerados como substitutos. O primeiro jogo da fase classificatória, Inter Miami x Real Salt Lake, está agendado para a próxima quarta-feira (21).

A questão envolve a Associação de Árbitros de Futebol Profissionais (PSRA) e a Organização dos Árbitros Profissionais (PRO). A primeira realiza a regulamentação geral dos árbitros na América do Norte enquanto a segunda faz a concessão dos donos do apito para a MLS.

O acerto existente entre as partes precisa ser renegociado, já que venceu no último dia 15 de janeiro. Todavia, a questão econômica tem feito a PSRA rejeitar a última proposta da PRO. Ao ponto de, na votação mais recente, o índice de desaprovação ter chegado a 95,8%.

Longe de acerto

O atual cenário para se chegar a um denominador comum não questão não prevê algo no curto prazo. Não por acaso, o gerente-geral da PRO, Mark Geiger, falou abertamente sobre a medida emergencial com o intuito de evitar qualquer atraso:

Publicidade

“Não resta escolha a não ser instituir um bloqueio e usar árbitros de unidade qualificados e sem negociação, para que os jogos possam correr como programado.”

Por sua vez, o presidente da PSRA, Peter Manikowski, fez apontamentos para a atual postura adotada pelo sindicato. Em sua visão, a crescente da Major League Soccer faz com que, consequentemente, os profissionais do apito sejam melhor remunerados com o grau elevado de responsabilidade:

Publicidade

“O crescimento vertiginoso da MLS aumentou significativamente as exigências mentais e físicas e do nosso tempo profissional como pessoal. Nossos membros estão pedindo não apenas uma compensação justa num momento em que a liga relata um crescimento recorde, mas também a capacidade de cuidar de si mesmos, fora e dentro de casa, para continuar a arbitrar no mais alto nível que este esporte exige.”

Siga o Jogada10 nas redes sociais: TwitterInstagram e Facebook.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.