Logo R7.com
Logo do PlayPlus
R7 Esporte - Notícias sobre Futebol, Vôlei, Fórmula 1 e mais
Publicidade

Membros de organizadas cobram time e dirigentes do Vasco no CT

Torcedores da Força Jovem Vasco e Mancha Negra estiveram presentes e conversaram com CEO e novo executivo de futebol

Jogada 10

Jogada 10|Do R7

Foto: Reprodução / Instagram Força Jovem Vasco

O clima segue tenso no Vasco da Gama. Na tarde desta segunda-feira (29), membros de duas torcidas organizadas do clube estiveram presentes no CT Moacyr Barbosa, onde a equipe se reapresentou após a derrota acachapante no sábado (27), por 4 a 0, para o Criciúma, em pleno São Januário.

O tom da cobrança foi amistoso. A Força Jovem Vasco, maior organizada do clube, transmitiu a conversa ao vivo via Instagram, onde alguns membros cobravam todo o elenco, além de membros da comissão, o CEO Lúcio Barbosa e o novo diretor executivo, Pedro Martins – que sequer foi anunciado ainda.

LEIA MAIS: Pedro Martins, novo diretor de futebol do Vasco, chega ao Rio de Janeiro

Entre as cobranças, a principal era a saída de Ramón Díaz, já efetuada. Eles também pediam reforços para jogarem como “titulares” e que não tragam mais “apostas”, sugerindo nomes como Philippe Coutinho e Allan, ambos crias da Colina.

Publicidade

“Vamos contratar quem tem que contratar. Para ser titular, para brigar aqui com nossos titulares. O calendário é ruim comparado com o da Europa. Você não tem só 11 titulares, tem 18. É isso o que a gente quer. A nossa fortaleza tá nessa galera aqui. Essa galera está unida”, disse o CEO Lúcio Barbosa.

Pedro Martins promete união

Publicidade

Depois, eles pediram para que Pedro Martins, novo executivo, falasse. Ele, então, pediu a palavra e reiterou que o elenco está unido e que o recomeço será já na quarta-feira (1º), quando o time encara o Fortaleza, fora de casa, pela Copa do Brasil.

“A porta tá aberta para gente unificar todo mundo aqui. Todo mundo sabe que o resultado que passou não representa ninguém aqui. Não representa a torcida, o elenco, quem acorda cedo para vir aqui trabalhar, isto está claro. Como vamos superar isso? A janela é em julho, nós vamos debater isso lá. Primeiro ponto é o jogo contra o Fortaleza e depois no fim de semana. É unindo essa turma aqui. Vamos para Fortaleza com comportamento diferente. Já sabemos da força do treinador Rafael Paiva (interino). Está todo mundo junto. A palavra de vocês é importante, a gente sabe que vocês estão juntos. Já é um grupo forte, muito melhor que o do ano passado. Vamos procurar fortalecer cada vez mais, mas a essência está aqui dentro. Tenho certeza que a resposta está vindo”, afirmou.

Publicidade

Siga o Jogada10 nas redes sociais: TwitterInstagram e Facebook.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.