Logo R7.com
Logo do PlayPlus
R7 Esporte - Notícias sobre Futebol, Vôlei, Fórmula 1 e mais
Publicidade

Médico do Flamengo analisa situação de Gabigol e comenta volta de Gerson

Marcio Tannure se esquiva sobre condição do atacante, punido por tentar fraudar exame antidoping. Médico diz que volta do volante é...

Jogada 10

Jogada 10|Do R7

Foto: Alexandre Vidal/Flamengo
Foto: Alexandre Vidal/Flamengo Foto: Alexandre Vidal/Flamengo Jogada 10

Gerente de saúde e alto rendimento do Flamengo, Marcio Tannure falou sobre a situação de Gabigol. O atacante foi suspenso por tentar fraudar exame antidoping e vai ficar afastado dos gramados, a princípio, até abril de 2025. Em entrevista no evento Super Fut Summit, o médico rubro-negro não deu muitos detalhes e explicou o motivo.

“A informação que eu tenho é a mesma de vocês. Não tenho autorização para falar desse assunto sem assessoria do clube. Mas nós temos hierarquia e um organograma. Para eu falar desse assunto, só através da assessoria de imprensa oficial do clube. Espero que entendam e me respeitem”, disse o médico, antes de completar:

“Aqui no Brasil, nós temos que elogiar, porque o futebol é o esporte mais testado. Óbvio que nenhum jogador gosta de ser testado, tem uns com medo de agulha para fazer o exame de sangue. Temos que entender a peculiaridade de cada um. Mas é óbvio que somos a favor do antidoping. É uma política de proteção ao atleta e de isonomia esportiva. É importante. O Flamengo vem disputando todas as competições, então é o time que mais fez antidoping. As palavras se perdem, os atos ficam. A gente tem experiência há muito tempo e nunca teve intercorrência. Eu não posso falar que é confortável, nem tudo no teu emprego é confortável, claro”, concluiu.

Volta de Gerson

Além de comentar sobre Gabigol, Marcio Tannure falou também sobre a recuperação de Gerson. O volante passou por cirurgia renal, mas já está treinando em campo novamente. Ainda em atividades reduzidas, o camisa 8 deverá voltar aos gramados em um mês.

Publicidade

“É uma volta gradual. Eu só posso ter a tranquilidade quando ele estiver jogando, afinal intercorrências podem acontecer. Futebol é dia a dia. Dentro do esperado, ele está indo bem. Mas ainda tem um caminho a ser percorrido. Vamos ver dia a dia. O que eu posso dizer é que a gente está satisfeito com a evolução dele. Daqui a uma semana, dez dias, a gente consegue dizer melhor como ele está”, disse.

Siga o Jogada10 nas redes sociais: TwitterInstagram e Facebook.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.