Logo R7.com
Logo do PlayPlus
R7 Esporte - Notícias sobre Futebol, Vôlei, Fórmula 1 e mais
Publicidade

Mano lamenta derrota do Fluminense e reclama do pouco tempo para treinos

Treinador analisa novo revés do Tricolor pelo Campeonato Brasileiro e explica ausência de Germán Cano em campo

Jogada 10

Jogada 10|Do R7


Foto: Lucas Merçon/Fluminense

O Fluminense perdeu novamente e segue na lanterna do Campeonato Brasileiro. Após a nova derrota, o técnico Mano Menezes lamentou o tropeço diante do Fortaleza, no Castelão, e também reclamou do pouco tempo de atividades para colocar o time com a sua cara.

“É o primeiro passo para o momento em que estamos. Vir aqui e brigar pelo resultado. Nos outros fundamentos, estivemos muito parelhos. Mas quando chegamos no último terço (do campo), ficou a diferença nos (tempos det rabalhos. O Fortaleza tinha uma ideia clara do que fazer para acabar as jogadas. Chutou pouco no gol, foi 6 a 7, mais teve mais escanteios e volume, que somam para chegar num gol de bola parada. Sofremos com isso. Bola parada ofensiva, por exemplo, é uma coisa que já vimos no jogo passado. Erramos cobrança, erramos posicionamento. E para isso precisa treinar”, destacou antes de complementar.

“Não fizemos treinos suficientes para resolver esses problemas defensivos e ofensivos. Vamos conseguir fazer isso depois do jogo contra o Criciúma, onde vamos parar por 10 dias. Ficamos chateados porque o momento é onde tudo custa caro. Mas temos que saber o que vamos cobrar e como vamos nos cobrar. Mostrar o caminho para as soluções”, completou.

Mano fala sobre Cano

Publicidade

Mano Menezes também explicou sobre ausência de Germán Cano, apesar de estar relacionado, não entrou durante partida.

“Ele não tinha condições de jogar. Trouxemos ele porque é um extraordinário profissional, mas não tinha condições de entrar. Por isso que ele não entrou e entrou o Kauã (Elias), que é outro menino. […] Existem características diferentes dos atacantes. Todos sabemos que o Cano é finalizador, essencialmente um finalizador, homem que faz gol com um toque, dois toques na bola”, disse o treinador.

Publicidade

Último colocado do Brasileirão com apenas oito pontos, o Fluminense volta a campo na próxima quinta-feira, quando visita o Criciúma no Heribero Hülse. A equipe tricolor só tem sete pontos, a sete do primeiro fora da zona de rebaixamento.

Siga o Jogada10 nas redes sociais: TwitterInstagram e Facebook.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.