Logo R7.com
Logo do PlayPlus
R7 Esporte - Notícias sobre Futebol, Vôlei, Fórmula 1 e mais
Publicidade

Mano explica como mudará a forma do Fluminense jogar: ‘Mais direta e ambição imediata’

Treinador explica que Tricolor jogará de forma mais vertical e com mais ambição para pegar o adversário de forma desorganizada defensivamente...

Jogada 10

Jogada 10|Do R7


- Foto: Divulgação/Fluminense

Na véspera da partida diante do Internacional, o Fluminense apresentou seu novo treinador para a sequência da temporada. Trata-se de Mano Menezes, que terá a tarefa de fazer o Tricolor reencontrar o bom futebol e tentar deixar a incômoda zona de rebaixamento. Na coletiva, o profissional explicou de que maneira pretende mudar o estilo de um elenco, que estava acostumado a uma maneira de jogar ao longo de dois anos e dois meses.

“Bom, eu não sei o número de treinadores de técnicos que nós temos no Brasil, mas tenho certeza absoluta que todos eles que chegassem para substituir o Diniz mudaria o jeito de jogar, porque o jeito de Diniz é único, então com pequenas alterações, com maiores ou menores, certamente nós teremos uma mudança de jeito de jogar”, explicou.

“Ela não vai acontecer com uma ruptura muito grande da noite por dia, porque dois anos, dois anos e meio de trabalho, se fixa uma ideia e essa ideia se tornou vencedora dessa maneira, então ela fica mais ainda na cabeça dos jogadores, no comportamento dos jogadores”, completou.

Publicidade

“Mas como no futebol a dureza é sempre iminente, daqui a pouco as coisas não funcionam tão bem como funcionaram antes, você procura um pouco. De explicação, nem as encontra tão objetivamente, que são as mesmas pessoas, são os mesmos jogadores, mas muda. Porque a cabeça do ser humano muda. O que eu pensava no ano passado não é exatamente o que eu penso neste ano. O que os jogadores pensavam não é exatamente o que eles pensam hoje. Você vai alterando porque é assim que funciona”, acrescentou.

Aumentar rendimento na temporada

Publicidade

No momento, o Tricolor soma apenas 6 pontos em 13 rodadas e ocupa a lanterna da competição. Além disso. a diferença para o primeiro time fora da zona de rebaixamento, o Vasco, é de cinco pontos. Dessa forma, Mano ressaltou que tem mais de uma ideia de jogo e que o que importa é que ela seja bem executada e gere rendimento e resultados.

” Não sou um técnico de uma ideia só de jogar, todas são boas e para elas serem boas têm que ser bem executadas. Temos jogadores inteligentes para entender a maneira simples que vejo futebol. Muitos deles já trabalharam comigo e sabem do que eu gosto. Eu tenho uma trajetória de 20 anos, então todos sabem o que eu vejo de futebol. Se eu negar isso, vocês vão saber”, disse.

“O que importa é o rendimento, não a idade. Vamos tentar estancar os resultados negativos no primeiro momento, é assim que eu vejo. E sempre é importante no curto prazo tomar as decisões certas”, destacou.

“Talvez não vamos trazer tantos jogadores para a fase de construção, vamos trazer menos para ter mais possibilidade de esticar. Vamos jogar um pouquinho mais direto, o que não significa dar chutão, até porque não temos características para ficar jogando bola longa para disputa. Mas que tenhamos um pouquinho mais de ambição imediata para pegar o adversário desorganizado defensivamente”, concluiu.

Por fim, o treinador estreia no clube carioca nesta quinta-feira (4), às 20h (de Brasília), contra o Internacional no Maracanã. A direção preparou uma promoção para ter casa cheia diante do Colorado e, até o momento, 25 mil ingressos já foram vendidos.

Siga o Jogada10 nas redes sociais: TwitterInstagram e Facebook.

 

 

 

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.